Leia também:
X Homem mata a companheira a tiros, foge e morre carbonizado

Criança morre esquecida no carro enquanto casal assistia TV

Menina de 3 anos foi encontrada seis horas depois presa na cadeirinha

Thamirys Andrade - 30/11/2020 16h22 | atualizado em 30/11/2020 17h17

rylee-rose-black-menina-morta-esquecida-no-carro-quente-enquanto-casal-assistia-série
Rylee Rose Black morava em Queesland, na Austrália Foto: Reprodução

Uma menina de 3 anos morreu ao ser esquecida pela mãe e o namorado dela dentro de um carro quente por seis horas, em Queesland, na Austrália. Laura Black, de 37 anos, e Aaron Hill, de 29 anos, estão sendo indiciados por homicídio culposo. Segundo a polícia, a pequena Rylee Rose Black ficou presa em sua cadeirinha dentro de um Toyota Prado durante a maior parte do dia, quando as temperaturas chegaram a 33ºC. Ela chegou a ser levada para o Hospital da Universidade de Townsville, mas não resistiu.

Ainda de acordo com a polícia, o casal se desentendeu após deixar as três irmãs mais velhas de Rylee na escola e esqueceu a caçula adormecida no banco de trás. Eles estacionaram na garagem por volta das 9h e passaram o dia em casa, assistindo a uma série. Após seis horas, o casal desligou a televisão e foi até o carro a fim de buscar as meninas na escola, e se depararam com Rylee na cadeirinha.

Segundo o advogado de Laura Black, não foi um ato intencional. Ela e seu namorado foram detidos no hospital após o óbito da menina, e passaram o fim de semana atrás das grades. Mas nesta segunda-feira (30), deixaram a prisão após pagamento de fiança. Ambos devem ir a julgamento no dia 24 de fevereiro. A polícia descartou o uso de drogas ou álcool pelo casal, o que poderia ter facilitado o ocorrido.

As irmãs mais velhas de Rylee foram entregues aos cuidados do pai biológico, Pete. De acordo com o jornal The Sun, a família pediu privacidade para “aceitar” a perda da menina.

ESTIMATIVAS
Segundo estatísticas da Kidsafe, organização de prevenção a acidentes infantis na Austrália, mais de 5 mil crianças são resgatadas no país, vítimas de situações semelhantes a de Rylee. O sargento Dave Miles, detetive da Unidade de Proteção e Investigação Infantil de Townsville, faz o alerta:

– Os carros esquentam muito rapidamente e o corpo humano é suscetível a mudanças dramáticas de temperatura. O melhor conselho que podemos dar é não deixar crianças ou animais de estimação em veículos motorizados parados, sem ventilação, sem ar condicionado.

Leia também1 Homem mata a companheira a tiros, foge e morre carbonizado
2 Idosa sofre infarto após falsa acusação de furtar mercado
3 SP: Pais vão à Justiça para pedir volta das aulas presenciais
4 Falsa grávida é presa após usar melancia para esconder drogas
5 Testemunha: Filha de Flordelis se automutilou após briga

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.