Leia também:
X China isola vilarejo após 2ª morte por peste bubônica

Covid: Rússia fala em registrar vacina na semana que vem

Vice-ministro da Saúde da Rússia, Oleg Gridnev, fez anúncio nesta sexta-feira

Ana Luiza Menezes - 07/08/2020 18h43

Países estão correndo para encontrar uma vacina contra a Covid-19 Foto: EFE/Filippo Venezia

Nesta sexta-feira (7), o vice-ministro da Saúde da Rússia, Oleg Gridnev, anunciou que o país pretende conceder o registro da primeira vacina contra a Covid-19 no dia 12 de agosto. A vacina russa está sendo desenvolvida pelo Ministério da Defesa russo e pelo Instituto Gamaleya de Epidemiologia e Microbiologia, em Moscou.

– O registro da vacina desenvolvida no Gamaleya Center ocorrerá em 12 de agosto. Agora, o último estágio, o terceiro, está em andamento. Esta parte do teste é extremamente importante. Temos que entender que a vacina em si deve ser segura – declarou Gridnev.

Ainda segundo o vice-ministro, idosos e profissionais de saúde fazem parte do grupo prioritário para imunização. Para Oleg, a eficácia da vacina poderá ser julgada quando a população tiver desenvolvido imunidade.

A vacina russa tem base no chamado adenovírus. Parte do vírus é modificada geneticamente para levar o corpo a produzir anticorpos.

Testes em humanos começaram a ser feitos no dia 18 de junho. A rapidez dos ensaios clínicos e a falta de divulgação de resultados provocam questionamentos por parte de especialistas de outros países.

Leia também1 Covid-19: Bolsonaro libera R$ 2 bilhões para obter vacinas
2 Butantan fala em chance de vacina para registro em outubro
3 OMS alerta: 90% das pessoas ainda podem ser infectadas
4 Infecções prévias podem gerar células que combatem a Covid
5 Brasil deve começar a liberar a vacina da Covid-19 em janeiro

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.