Leia também:
X Prefeito vira alvo do MP por furar fila da vacina no Piauí

Covid: Bayer vai fabricar vacina da CureVac na Alemanha

Companhia pretende produzir 160 milhões de doses em 12 meses

Pleno.News - 01/02/2021 10h45 | atualizado em 01/02/2021 11h05

Sede do CureVac, laboratório alemão com pesquisas de vacina contra coronavírus Foto: EFE/EPA/Armando Babani

A Bayer anunciou nesta segunda-feira (1) que vai ampliar sua parceria com a CureVac para fabricar a candidata à vacina contra Covid-19 da empresa na Alemanha. Segundo o presidente da divisão de fármacos da Bayer, Stefan Oelrich, a companhia pretende produzir milhões de doses da vacina em suas fábricas alemãs.

– Esperamos produzir 160 milhões de doses nos primeiros 12 meses e aumentaremos a produção da vacina para, significativamente, mais do que 160 milhões de doses no segundo ano – disse Oelrich.

A Bayer ressaltou que o primeiro produto comercial da parceria poderá estar disponível até o fim de 2021.

A Alemanha está no meio de um segundo “lockdown” motivado pela Covid-19, que deverá estender-se até o próximo dia 14. A maior economia europeia registrou mais de 57.100 mortes desde o início da pandemia.

CureVac e Bayer vão iniciar a fase 3 de testes com a vacina nas próximas semanas, afirmou o ministro da Saúde da Alemanha, Jens Spahn, que participou de coletiva de imprensa sobre o assunto.

– Após discussões com o governo alemão, ficou claro que as atuais capacidades de manufatura para vacinas precisam ser ampliadas, particularmente para potenciais variantes do coronavírus – afirmou Oelrich.

A Bayer já estava atuando com a CureVac, ao auxiliar a empresa nas áreas de infraestrutura, questões regulatórias, farmacovigilância, informações médicas, gestão da cadeia de suprimentos e operações dentro da União Europeia.

*Estadão

Leia também1 Prefeito vira alvo do MP por furar fila da vacina no Piauí
2 Wuhan: OMS visita local onde ocorreram primeiros contágios
3 Covid: Número de vacinados no Brasil passa de 2 milhões
4 Covax Facility: Brasil receberá até 14 milhões de doses
5 Bolsonaro: Se a Anvisa aprovar, compraremos a vacina Sputnik

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.