Leia também:
X AstraZeneca diz que entregará 80 milhões de doses à UE

Conflitos e pandemia deixam 270 milhões sob risco de fome

Alerta foi dado pelo Programa Mundial de Alimentos

Pleno.News - 18/06/2021 12h21 | atualizado em 18/06/2021 12h48

criança Fome comida
Em Etiópia, Madagascar, Sudão do Sul e Iêmen, 584 mil pessoas estão em risco Foto: EFE/EPA/YAHYA ARHAB

Cerca de 270 milhões de pessoas correm o risco de passar fome devido a conflitos, ao impacto dos desastres climáticos e à crise econômica causada pela pandemia de Covid-19, que aumentou os níveis de insegurança alimentar global, segundo alertou nesta sexta-feira (18) o Programa Mundial de Alimentos (PMA).

Além disso, o número de pessoas que já estão perto dos níveis de fome aumentou para 41 milhões, sete milhões a mais do que o esperado no início do ano, disse o porta-voz do PMA, Tomson Phiri, em uma entrevista coletiva em Genebra.

– Sem ajuda alimentar de emergência imediata, essas pessoas poderão morrer de fome, pois o menor impacto as empurrará para o precipício da fome – advertiu Phiri.

O PMA expressou particular preocupação com a situação na Etiópia, em Madagascar, no Sudão do Sul e no Iêmen, países onde 584.000 pessoas podem enfrentar graves condições de fome, bem como na Nigéria e em Burkina Faso, onde foram registrados grupos de pessoas nesta situação, nos últimos meses.

Enquanto isso, os preços dos alimentos continuam subindo globalmente, uma situação que ainda não voltou ao normal e que continua piorando para os países em desenvolvimento, alertou o PMA.

– O preço de não fazer nada em face dessas necessidades crescentes de alimentos será inevitavelmente medido em termos de vidas perdidas – destacou Phiri.

Além disso, o PMA alertou sobre o impacto econômico de longo prazo da fome, que se traduzirá em perda de produtividade e em aumento dos custos de saúde.

*EFE

Leia também1 Âncora da Record no CE conta ao vivo que foi abusada na infância
2 TV Brasil prepara telejornal apenas com "boas notícias"
3 Bolsonaro sobre Covid: "Meteram o pavor na cabeça do povo"
4 AstraZeneca diz que entregará 80 milhões de doses à UE
5 Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 planejam público nos estádios

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.