Leia também:
X Lavrov: Guerra nuclear está na mente dos políticos ocidentais

Cinegrafista foi um dos mortos em ataque à torre de TV em Kiev

Tropas russas atacaram a torre de transmissão na última terça com dois mísseis

Paulo Moura - 03/03/2022 13h50 | atualizado em 03/03/2022 14h17

Cinegrafista que morreu durante ataque em torre de TV em Kiev Foto: Reprodução/Twitter RSF

O cinegrafista Evgeny Sakun, do canal Kiev Live TV, foi uma das vítimas do ataque a uma torre de rádio e televisão na capital da Ucrânia, na última terça-feira (1°). A informação é da ONG Repórteres Sem Fronteiras. Em um comunicado publicado nas redes sociais, a entidade lamentou o fato e disse estar apurando as circunstâncias do caso.

– A RSF [Repórteres Sem Fronteiras] confirma que Evgeny Sakun, cinegrafista do Kiev Live TV, morreu no atentado contra a torre de rádio e televisão de Kiev. Lamentamos sua perda e estamos investigando as circunstâncias da morte. Atacar jornalistas é um crime de guerra – declarou.

Tropas russas atacaram a torre na última terça com dois mísseis e causaram a interrupção dos canais. O Serviço de Estado da Ucrânia informou que cinco pessoas morreram e outras cinco ficaram feridas. A construção fica próxima a Babyn Yar, palco de um dos maiores massacres de judeus durante a 2ª Guerra Mundial, em um episódio que ficou conhecido como o “Holocausto das Balas”.

Ao comentar o ataque, ainda no dia 1° de março, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, condenou o fato e afirmou que o ocorrido representou a “história se repetindo”.

– Para o mundo: qual é o sentido de dizer ‘nunca mais’ por 80 anos se o mundo fica em silêncio quando uma bomba cai no mesmo local de Babyn Yar? Pelo menos 5 mortos. História se repetindo – afirmou.

Leia também1 Lavrov: Guerra nuclear está na mente dos políticos ocidentais
2 Covid: PF investiga Bolsonaro por associação da vacina à aids
3 Nobel da Paz russo fala em "ameaça real" de guerra nuclear
4 Margem de erro deixa Bolsonaro e Lula a 4 pontos de diferença
5 Empresário russo oferece US$ 1 milhão pela cabeça de Putin

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.