Leia também:
X Israel: Oposição ‘fecha acordo’ e Netanyahu deve deixar cargo

Após denúncias, fundadora do Black Live Matters deixa o posto

No último mês, surgiu a denúncia de que Patrisse Cullors, de 37 anos, comprou quatro residências

Pleno.News - 30/05/2021 18h07

Patrisse Khan-Cullors fundadora do black lives matter
Patrisse Cullors Foto: Reprodução

Nesta semana, a co-fundadora do movimento Black Lives Matter nos Estados Unidos, Patrisse Cullors, decidiu deixar a organização. A decisão ocorre em meio a suspeitas de enriquecimento ilícito.

No último mês, surgiu a denúncia de que ativista, de 37 anos, comprou quatro residências. Pelo menos um destes imóveis teria custado cerca de 2 milhões de dólares.

Em fevereiro, o Black Lives Matters informou que conseguiu arrecadar 90 milhões de dólares.

Ao deixar o cargo, Patrisse Cullors negou que sua decisão tenha qualquer relação com as denúncias.

Leia também1 Marcelo Freixo apresenta ação na Justiça para afastar Salles
2 CPI: 'Preocupados', governadores enviam carta a Omar Aziz
3 Morre de Covid-19 jornalista que "torceu" por morte de Bolsonaro
4 Em 2017, TSE apresentou urna eletrônica com voto impresso
5 Vereador do PT 'lembra' facada: 'Poderíamos estar livres desse mal'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.