Leia também:
X Justiça bloqueia regra de Biden sobre vacinação em empresas

Após 20 meses, EUA reabrem fronteiras nesta segunda-feira

Viajantes terão que atender a alguns requisitos se quiserem entrar no país

Paulo Moura - 07/11/2021 16h10 | atualizado em 08/11/2021 10h44

Estados Unidos Foto: Roman Koester/Unsplash

Depois de passar 20 meses com as fronteiras restritas em razão da pandemia de Covid-19, os Estados Unidos se preparam para reabrir suas fronteiras terrestres e aéreas aos viajantes vacinados contra a doença nesta segunda-feira (8). Desde março do ano passado, boa parte dos países europeus tinha entrada restrita nos EUA.

Para os viajantes que chegam de avião, os Estados Unidos solicitarão, a partir de segunda-feira (8), além do certificado de vacinação e do teste negativo para Covid feito nos três dias anteriores à partida, o estabelecimento pelas companhias aéreas de um sistema de rastreamento de contatos.

Já pela rota terrestre, as restrições serão suspensas em duas etapas. A partir de segunda-feira (8), as pessoas que chegarem ao país por motivos considerados não essenciais, como família ou turismo, poderão cruzar a fronteira do Canadá ou do México, desde que estejam vacinadas.

Aqueles que o fazem por motivos imperiosos, como, por exemplo, os motoristas de caminhão, estarão isentos deste requisito. Mas, a partir de janeiro, a obrigação de vacinação se aplicará a todos que cruzarem as fronteiras terrestres, independente do motivo da viagem.

As autoridades de saúde dos EUA também indicaram que todas as vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) serão aceitas.

Leia também1 Janaina: 'Câmara de SP quer tratar médicos como criminosos'
2 Marília ultrapassa Adele e é a mulher mais ouvida no Spotify
3 Tatá sobre Marília Mendonça: 'Paulo pode cuidar dela lá'
4 Marília: Por que todos morreram se avião não parecia danificado?
5 Eduardo critica Globo por corte em foto de entregador morto

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.