Leia também:
X PIB da China cresceu 12,7 % no primeiro semestre de 2021

Antiga organização LGBT de Boston encerra suas atividades

Entidade sofreu boicote de grupos como o Black Lives Matter

Monique Mello - 16/07/2021 18h39 | atualizado em 16/07/2021 18h44

Desentendimentos com o movimento Black Lives Matter contribuíram para crise interna no Boston Pride Foto: Reprodução Boston Pride

A diretoria do Boston Pride, organização norte-americana que promove passeatas pró LGBT, anunciou nesta sexta-feira (16) que a entidade será dissolvida. De acordo com o jornal The Boston Globe, haveria reclamações de que a organização excluía pessoas negras e pessoas trans, o que levou alguns a boicotar o grupo.

– Durante anos, oferecemos nosso tempo ao Boston Pride porque nos preocupamos e somos apaixonados pela comunidade LGBTQIA +. Nós nos esforçamos para promover um ambiente de diversidade e unidade dentro de nossa organização e da comunidade. Nos últimos 50 anos, o Boston Pride facilitou programas e eventos que mudaram nossa sociedade e promoveram a igualdade, mas sabemos que ainda há trabalho a ser feito – diz a declaração do Conselho de Diretores do Boston Pride.

O anúncio vem depois de anos de tensão crescente com outros líderes e organizações comunitárias LGBTQ + sediados em Boston. Em 2015, os manifestantes do Black Lives Matter interromperam a parada do Boston Pride para exigir mais inclusão e representação negra na organização.

O movimento Black Lives Matter foi um dos principais expoentes do boicote. Em 2020, o Boston Pride omitiu o nome do grupo antirracismo de uma nota divulgada contra a brutalidade policial em decorrência do assassinato de George Floyd.

A partir daí, o grupo Boston Pride 4 The People foi criado para fomentar o boicote, fazendo com que uma série de entidades parceiras e apoiadores financeiros retirassem seu apoio.

 

Leia também1 À União Europeia, Kremlin se nega a legalizar casamento gay
2 Funcionários de loja do Burger King pedem demissão em massa
3 Vereador acusado de transfobia diz que denúncia é 'ideológica'
4 Pastor diz que já foi gay e dá testemunho sobre mudança de vida
5 Após ter conta derrubada, Sikêra segue popular no Instagram

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.