Leia também:
X Irã segue enriquecendo urânio e ampliando recursos nucleares

200 caixões caem no mar após deslizamento em cemitério

Bombeiros trabalham para retirar os restos mortais da água

Thamirys Andrade - 23/02/2021 17h10 | atualizado em 23/02/2021 17h54

200 caixões caem no mar após deslizamento de terra em cemitério na Itália
Moradores do local relataram leves tremores e ruídos incomuns vindos da construção Foto: Reprodução/Vigili del Fuoco

Um deslizamento de terra em um cemitério de Camogli, na Itália, lançou aproximadamente 200 caixões ao mar e destruiu duas capelas nesta segunda-feira (22). O episódio foi provocado pela erosão da falésia, intensificada pelas tempestades dos últimos anos na região noroeste de Lingúria.

Após relatos de tremores e barulhos incomuns vindos da construção, os funcionários passaram a monitorar o local. Um dos trabalhadores registrou o desabamento em vídeo. Nas filmagens, é possível ver as rachaduras se formando nos locais onde se encontravam as sepulturas e as capelas.

Barcos da Guarda Costeira, um helicóptero, bombeiros e mergulhadores compareceram ao local, a fim de recuperar os restos mortais atirados no mar ou que acabaram sendo soterrados. Apesar da procura das famílias, os socorristas destacam que a missão é complicada e será necessário dias até que a recuperação dos corpos seja concluída.

– Primeiro, precisaremos demolir os nichos que ainda estão em risco no costão, com a transferência das sepulturas. Ao mesmo tempo, trabalharemos com um pontão marítimo. É uma situação extremamente complexa porque a falésia é ainda perigosa, e não podemos colocar em perigo os operadores – informou o assessor da Defesa Civil da região da Ligúria, Giacomo Giampedrone, em coletiva de imprensa.

Leia também1 Cidades estão tão pesadas que começam a afundar na crosta
2 Paciente que venceu o câncer viajará em missão espacial
3 Agência da UE aprova larvas de farinha como alimento humano
4 De novo! Monólito misterioso aparece na África do Sul
5 Cratera em Marte tem sinais de semelhança com lago na Turquia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.