Leia também:
X Saiba a importância de fazer a bainha certa em suas roupas

Confira opções para substituir castanhas e amêndoas na ceia

É possível incrementar o jantar natalino com outras oleaginosas

Mayara Macedo - 18/12/2018 11h09

As oleaginosas podem ser substituídas por outras que possuem os mesmos benefícios Foto: Pixabay

Quando chega o final de ano, o preço das castanhas-do-pará, amêndoas e pistaches ficam super elevados. Além disso, algumas pessoas têm alergia ou restrições a esses alimentos. Esses fatores podem implicar numa ceia de Natal mais enxuta, mas, há maneiras de substituir essas iguarias por outras que possuem os mesmos benefícios.

O Pleno.News listou algumas oleaginosas (vegetais que possuem óleo e gorduras boas, como sementes e castanhas) que podem ser substituídas no jantar natalino. Confira:

CASTANHA-DO-PARÁ
Ela é fonte de vitamina E, selênio, ômega 9 e ajuda a proteger o cérebro. Porém, é uma das oleaginosas mais caras no mercado. Ela pode ser substituída pela castanha-de-baru, que é rica em ômegas 6 e 9 e em minerais como ferro, zinco, fósforo e magnésio. O seu teor de proteína ainda é 29,6% maior que o da castanha-do-pará.

NOZES
As nozes são fontes de ômega 3, mas divide opiniões na hora da ceia. Há quem ame e quem odeie, e para quem se identifica com o segundo caso, basta trocar pela semente de linhaça, que é igualmente rica em ômega 3.

PISTACHE
Assim como as nozes, não é todo mundo que acha o pistache saboroso. Ele está presente em diversas receitas natalinas e é rico em vitaminas do complexo B. Quem quer incrementar nos pratos da ceia sem o pistache, opte pela avelã, que proporciona os mesmos benefícios.

AMÊNDOA
Apesar de ser fonte de cálcio e magnésio, não é uma oleaginosa muito barata. Ela custa em média R$ 30,00 meio quilo. O gergelim pode ser a melhor opção para fazer a troca, pois também é rico em cálcio e magnésio e custa cerca de R$ 8,00.

CASTANHA-DE-CAJU
É outra oleaginosa muito presente, não só no Natal, mas também na dieta dos brasileiros. Porém, não são todos que morrem de amor por ela, e nesse caso, podem substituir pela macadâmia que, assim como a castanha-de-caju, é fonte de magnésio.

Leia também1 10 dicas especiais que vão salvar a sua vida na cozinha
2 Receita natalina: aprenda a fazer Arroz de Natal!
3 Alimentos que ajudam na desintoxicação do organismo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.