Leia também:
X Igreja Universal: “Lula finge que não aprendeu o que é facção”

Vídeo: Papa Francisco pede fim da pena de morte no mundo

Segundo pontífice, "pena de morte não oferece justiça às vítimas, mas encoraja a vingança"

Pleno.News - 31/08/2022 12h42 | atualizado em 31/08/2022 12h52

Papa Francisco Foto: EFE/EPA/Alessandro Di Meo

O papa Francisco fez um novo apelo contra a pena de morte que, segundo ele, não oferece justiça às vítimas, mas encoraja a vingança”. As declarações do pontífice aparecem em um vídeo, que é publicado todos os meses com a oração intenções, desta vez para setembro. As informações são da Agência EFE.

– Cada dia mais pessoas em todo o mundo dizem não à pena de morte. Para a Igreja, isso é um sinal de esperança – disse o papa.

Francisco sempre se manifestou contra a pena capital. Na gravação, ele acrescenta que “do ponto de vista jurídico, a pena de morte já não é necessária. A sociedade pode reprimir eficazmente o crime sem privar definitivamente o infrator da possibilidade de redimir-se”.

– Sempre, em toda condenação, deve haver uma janela de esperança. A pena de morte não oferece justiça às vítimas, mas encoraja a vingança. E impede qualquer possibilidade de se desfazer um possível erro judicial – acrescenta.

Por outro lado, ele afirmou que, “moralmente a pena de morte é inadequada; ela destrói o dom mais importante que recebemos: a vida” e nos lembra “não esqueçamos que, até ao último momento, uma pessoa pode converter-se e pode mudar”.

Sobre a doutrina católica, o papa lembrou que “à luz do Evangelho, a pena de morte é inadmissível”.

– O mandamento “não matarás” refere-se tanto ao inocente como ao culpado – disse.

Por isso, o papa lançou um apelo “a todas as pessoas de boa vontade para que se mobilizem pelo fim da pena de morte em todo o mundo” e pediu que rezem “para que a pena de morte, que atenta contra a inviolabilidade e dignidade da pessoa, seja abolida nas leis de todos os países do mundo”.

Os vídeos de Francisco são uma iniciativa que nasceu durante este pontificado e que visa divulgar as intenções de oração mensais do pontífice e é desenvolvida pela Rede Mundial de Oração do papa.

*EFE

Leia também1 Papa Francisco elogia humildade de pontífice que renunciou
2 Em posse, papa Francisco inclui 1º cardeal da Amazônia
3 Papa fala sobre disposição de visitar a Coreia do Norte
4 Com saúde fraca, papa prepara sucessão com posse de cardeais
5 Papa diz que russa Darya Dugina foi 'vítima inocente' e é criticado

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.