Leia também:
X Em vídeo, Simone fala sobre cirurgia para retirada do útero

Um ano sem Fabiana Anastácio: Saiba como está a família

Cantora faleceu em decorrência de complicações da Covid-19

Thamirys Andrade - 04/06/2021 10h00

Nesta quinta-feira (4), completa-se um ano da morte da cantora Fabiana Anastácio. A artista faleceu em decorrência de complicações da Covid-19 e deixou como legado ao meio gospel canções como Sou Eu, Adorarei, Quem Me Vê Cantando e Além das Circunstâncias.

Irmão de Fabiana, o cantor Felipe Anastácio relatou ao Pleno.News como foi para a família passar pelo primeiro ano de saudade e detalhou como eles têm dado seguimento ao trabalho da artista.

Como foi passar um ano sem a Fabiana?
Os filhos sempre pensam que suas mães são eternas, as mães pensam que seus filhos nunca crescerão, e os irmãos acham que tudo será somente alegria, realmente era assim até perdermos nossa mãe e, depois, a Fabiana. Foi um choque tão forte que aquilo parecia não estar acontecendo. Mas, aos poucos, a ficha foi caindo e, de alguma forma, buscamos dar força um ao outro. Confesso que mesmo hoje, depois de um ano, ainda estamos aprendendo a conviver com esta perda, perda de todos nós.

Vocês sentiram Deus presente no processo do luto? Qual foi o consolo de vocês?
Temos a plena certeza de que o motivo de estarmos de pé hoje, dando continuidade àquilo que nos foi confiado, só tem um nome: Deus. Em todo momento, Ele nos consolou. Choramos amargamente, mas as mão do Senhor sempre estiveram presentes em cada pranto, nos consolando. Tivemos a oportunidade de fazer algumas lives juntos antes da partida [da Fabiana], conversarmos bastante. Um destes dias, à mesa, Fabiana disse: “Se Deus quiser me levar, eu estou pronta”.

A Fabiana deixou três filhos. Como eles estão atualmente?
Ficamos preocupados [com eles], mas tenho certeza de que Deus também pensou assim. E, no sepultamento [da Fabiana], era nítido Deus os consolando poderosamente. [Eles] se mantiveram de pé. Cada um lançou uma rosa como [que] dizendo: “Nos vemos no céu”. Hoje ainda sentem muito a falta da mãe, mas todos [estão] com mente firme, estudando e firmes na igreja. Lucas e o Guilherme querem ser cantores iguais à mãe, e o Júnior tem grande chamada para liderança.

Pode falar sobre o legado que a Fabiana deixou para essa geração?
Fabiana sempre teve um jeito muito genuíno de lidar com as coisas e as pessoas. Ela amava, sorria, contava histórias engraçadas e, como sabemos, tinha uma unção muito poderosa de Deus em sua vida. E, através deste vaso de barro, muitas pessoas foram curadas de muitas enfermidades, casais foram reestruturados. [Ela] foi inspiração para muitos cantores que hoje estão no meio gospel. Eu propriamente vi muitas almas se renderem aos pés de Jesus através de suas ministrações e de seus louvores. Hoje temos nossa produtora, Anastácio Produções, na qual guardamos todo o seu legado, e todos nós [estamos] dando continuidade ao que Deus nos confiou. Eu mesmo, Felipe Anastácio, posso dizer que sou fruto do seu trabalho. E quero um dia também poder usar as mesmas palavras: “Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé” (2 Timóteo 4:7).

RELEMBRE A TRAJETÓRIA DE FABIANA
Filha do pastor Osvaldo Anastácio e da maestrina Eunice Anastácio, Fabiana nasceu na cidade de Santo André, em São Paulo. Talentosa, ela já deu traços de seus dons musicais desde os 4 anos de idade. A pequena artista começou cantando na Assembleia de Deus de Santo André, onde sua mãe coordenava os grupos musicais, e logo passou a ser convidada para ministrar em outras igrejas.

Fabiana teve um encontro com seu chamado aos 12 anos, quando, ao ser batizada, recebeu uma promessa da parte de Deus de que ela gravaria um álbum. Suas participações em eventos e congressos conquistaram a internet, e a artista foi contratada pela gravadora Todah Music. O cumprimento da promessa ocorreu em 2012, com o lançamento do álbum Adorador 1.

A cantora formou uma família ao lado do pastor Rubens Nascimento e teve três filhos: Ruben Jr, Guilherme e Lucas. Ela e seu esposo foram diagnosticados com a Covid-19 em maio do ano passado, e, embora o pastor Rubens tenha se recuperado, Fabiana não resistiu.

Leia também1 Reveja trajetória de sucesso de Fabiana Anastácio no gospel
2 Assista ao último clipe da cantora Fabiana Anastácio
3 "Voz ungida", relata equipe de Fabiana Anastácio em nota
4 Relembre papo com Fabiana Anastácio: "Sou muito amada"
5 Saiba a história de poderosas canções pentecostais

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.