Leia também:
X Problemas criados pelo desequilíbrio emocional

Rabino diz que acordos com Israel não apontam o anticristo

"Não vejo os EUA como o país que vai propiciar o aparecimento do anticristo", disse Marcelo Guimarães, presidente do Ministério Ensinando de Sião

Pleno.News - 17/09/2020 15h23 | atualizado em 17/09/2020 15h24

Donald Trump e Benjamin Netanyahu Foto: EFE/EPA/Doug Mills / POOL

O acordo de paz entre Israel e Emirados Árabes, mediado pelos Estados Unidos, levantou especulações entre alguns cristãos a respeito do anticristo. Diante disso, o rabino messiânico Marcelo Guimarães, presidente do Ministério Ensinando de Sião, fez considerações em um vídeo divulgado na última quinta-feira.

Guimarães disse que não vê os Estados Unidos como o país que propiciará o surgimento do anticristo.

– Na minha opinião pessoal, não se trata de um acordo com o anticristo. Eu ainda não vejo os EUA como o país que vai propiciar o aparecimento do anticristo. Também não vejo os Emirados Árabes como um país de liderança mundial, fora o cenário do Oriente Médio – disse o rabino.

Ele afirmou ainda que essa não foi a primeira vez que Israel firmou um acordo de paz com um país árabe.

– Israel está cercado por 22 países árabes e já celebrou um acordo de paz com o Egito em 1979 e com a Jordânia em 1994 – lembrou.

Apesar de não considerar o novo tratado como um “acordo do anticristo”, o rabino messiânico defendeu que “todo o cenário está sendo montado e cada peça deste cenário é importante”.

ESQUERDA
Para Guimarães, existe ainda uma tendência de crescimento da esquerda em países europeus.

– Esse cenário da ordem mundial vai acontecer. As nações vão se unir, os acordos de paz vão aumentar, a tendência da esquerda é ganhar mais terreno – considerou.

Ele alertou ainda sobre a importância de que os seguidores de Jesus estejam atentos.

– O cenário do anticristo está sendo formado e as peças já estão sendo montadas. E nós, crentes, seguidores de Yeshua, temos que estar fortes e acompanhando. O Senhor está revelando aos santos os acontecimentos.

Leia também1 Mais cinco países estabelecerão relações com Israel, diz Trump
2 Eduardo Bolsonaro afirma que Trump merece o Nobel da Paz
3 Trump anuncia acordo de paz entre Israel e Bahrein
4 Bolsonaro almoça com pastores e deputados
5 Michelle Bolsonaro participa da celebração do Rosh Hashana

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.