Leia também:
X Rabino diz que acordos com Israel não apontam o anticristo

Monumento terá tijolos com testemunhos de oração

Muro Eterno das Orações Atendidas recebeu autorização para construção, na Inglaterra

Pleno.News - 17/09/2020 20h36 | atualizado em 17/09/2020 20h42

Monumento de oração será construído na Inglaterra Foto: Snug Architects / Renderloft

O Muro Eterno das Orações Respondidas (Eternal Wall of Answered Prayer) será construído nos arredores de Birmingham, na Inglaterra. O monumento destacará testemunhos de pessoas que tiveram suas orações respondidas por Deus.

A construção será maior que o Cristo Redentor. A expectativa é que mais de 300 mil pessoas visitem o local, anualmente.

O Conselho de North Warwickshire aprovou a edificação do monumento. A obra deve começar a ser erguida no próximo ano.

– Já se passaram 16 anos desde que a ideia nasceu. Receber finalmente o consentimento oficial é incrível. Estamos construindo um marco muito especial e é uma oportunidade incrível para o povo britânico deixar um legado de esperança para as gerações futuras – disse Richard Gamble, idealizador do projeto.

O monumento terá 1 milhão de tijolos, cada um apresentando uma história de oração atendida por Deus. Por meio de um aplicativo, os visitantes poderão rastrear a história de cada tijolo.

Cristãos de todo o mundo têm sido incentivados e enviar seus testemunhos de orações respondidas.

– Queremos celebrar e lembrar todas as orações que Deus respondeu por indivíduos ao longo da história de nossa nação. Cada oração respondida pode trazer esperança para aqueles que o visitam. Nosso desejo é criar uma arte pública instigante e oferecer um espaço de recreação e reflexão para todos. Nossa esperança é que aqueles que nos visitam vejam como Deus pode trazer paz nas tempestades da vida e sejam encorajados a refletir sobre o poder e a relevância da oração – declarou Gamble.

O projeto, que tem apoio interdenominacional, prevê ainda um centro de visitantes, uma livraria, uma cafeteria e um serviço de capelania 24 horas no local.

Os 2 anos de construção promoverá a criação de 60 novos empregos, além de 20 vagas em tempo integral a serem preenchidas após a conclusão da obra.

Leia também1 Rabino diz que acordos com Israel não apontam o anticristo
2 Ateus querem impedir obra do Museu da Bíblia em Brasília
3 Rosana Alves promove webinário gratuito sobre felicidade
4 Pastor Felippe Valadão: "A religião deturpa as coisas"
5 Igreja Universal se manifesta após acusações feitas pela Globo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.