Leia também:
X ‘Urna eletrônica sem voto impresso não oferece segurança ao eleitor’, diz Bia Kicis

Líderes evangélicos registram encontro com Jair Bolsonaro

Pastor Silas Malafaia e o apóstolo César Augusto conversaram com o presidente sobre o país: "Audiência amistosa"

Ana Luiza Menezes - 19/11/2020 19h42 | atualizado em 19/11/2020 21h40

Bolsonaro conversa com líderes evangélicos Foto: Reprodução

Nesta quinta-feira (19), o pastor Silas Malafaia contou que teve um encontro com o presidente Jair Bolsonaro e o apóstolo César Augusto, da Igreja Fonte da Vida em Goiânia (GO). O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) disse que os três conversaram sobre o país.

– Eu, Bolsonaro e apóstolo César Augusto num bate-papo sobre o Brasil agora à tarde – registrou o pastor.

César Augusto explicou que participou de uma audiência amistosa com o presidente.

– Hoje, estive em audiência amistosa com presidente Bolsonaro junto com o pastor Silas Malafaia. Deus abençoe o Brasil – declarou.

Em um vídeo publicado na quarta-feira (18), Silas Malafaia disse esperar que o Deus livre o Brasil de pessoas como Guilherme Boulos (PSOL), candidato à Prefeitura de São Paulo. O pastor destacou que cristãos não devem votar em alguém que segue a ideologia marxista.

– Um cristão comprometido com a sua ideologia jamais vai dar voto para um marxista como Boulos. (…) A esquerda governou São Paulo e nunca deu certo. (…) Boulos e o PSOL defendem o marxismo, que é contra o cristianismo. Como é que cristãos podem votar nesse camarada? (…) Que Deus livre São Paulo desse camarada, que Deus livre o Brasil dessa gente – declarou Malafaia.

Leia também1 SP: Ibope mostra Covas com 47% e Boulos com 35% no 2º turno
2 Aliado de Covas: 'Boulos mataria a mãe só pra ir ao baile de órfãos'
3 Conta do papa é investigada após curtida em foto sensual
4 Primeira companhia aérea cristã será lançada em 2021
5 Igreja Anglicana vai decidir até 2022 se aprova casamento gay

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.