Leia também:
X Glorify lança podcast com Nivea Soares, Helena Tannure e outros

“Vale a pena ser cancelado para estar perto de Jesus”, diz Pompeo

Cantora falou sobre cristãos perseguidos por causa da fé e dos princípios bíblicos

Pleno.News - 22/06/2022 14h53 | atualizado em 22/06/2022 15h44

Isadora Pompeo Foto: Reprodução/Print de vídeo YouTube Isadora Pompeo Dois

Nesta terça-feira (21), a cantora Isadora Pompeo publicou um vídeo, no qual deixa uma mensagem para seus fãs. Ela criou um canal no YouTube para compartilhar ensinamentos bíblicos.

A artista se manifestou contra críticas feitas a cristãos e defendeu que vale a pena ser cancelado para estar perto de Jesus.

– O resumo de tudo o que eu vou falar aqui é essa frase: vale a pena ser cancelado para estar perto de Jesus. Nós estamos vivendo em um meio em que as pessoas estão querendo nos calar. O inimigo está tentando nos calar por meio da vida das pessoas. E ele tem conseguido calar a Igreja, tem conseguido fazer a Igreja ter medo dele. Ele tem conseguido usar as redes sociais e o poder de influência das pessoas, da mídia para calar os cristãos. E nesse tempo em que fui cancelada, nesse tempo em que as pessoas me olhavam com desgosto, eu pude aprender algo de Deus. E é isso que eu quero passar para vocês. E a Palavra de Deus vai dizer pra gente, em 2 Timóteo 3:12: “De fato, todos os que desejam viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos”. Essa palavra é muito forte porque, de fato, todos nós que estamos em Cristo estamos sendo perseguidos – falou a cantora.

As declarações aparecem completas no canal Isadora Pompeo Dois, no YouTube. No Instagram, Isadora postou apenas um trecho do vídeo e destacou que “chegou nossa vez de nos posicionarmos”.

No último domingo (19), Pompeo utilizou as redes sociais para defender o posicionamento da cantora Bruna Karla sobre a questão LGBT+. Bruna tem sido atacada por causa de uma declaração feita por ela no ano passado na qual afirmou que não cantaria no casamento de um amigo homossexual. A respeito do assunto, Isadora afirmou que “os maiores revolucionários foram os mais perseguidos”.

Leia também1 Glorify lança podcast com Nivea Soares, Helena Tannure e outros
2 Ex acusa Simaria de "distorcer informações" sobre divórcio
3 Amanda Wanessa fará mais um procedimento cirúrgico
4 Roberto Carlos vai fazer show só para mulheres no Rio
5 Zezé Di Camargo questiona TSE sobre transparência nas urnas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.