Santa paciência!

Maurício Zágari - 12/05/2019 05h00


Paciência é um assunto muito importante do ponto de vista bíblico. Tanto, que o apóstolo Paulo listou a paciência entre as nove virtudes que compõem o fruto do Espírito (Gálatas 5:22-23). Paciência é ter paz no coração enquanto se espera que algo aconteça; é ficar sossegado diante da necessidade de aguardar. Portanto, a pessoa que manifesta o fruto do Espírito sabe esperar em paz. Esta é uma virtude espiritualmente importante, porque paciência tem tudo a ver com fé.

Se fé é “a certeza de coisas que se esperam” (Hebreus 11:1), fica claro que nossa confiança em Deus está diretamente relacionada com a nossa capacidade de esperar. E se “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11:6), então, certamente desagradamos ao Senhor quando demonstramos impaciência, pois ela revela que nossa fé Nele não está sendo suficiente para aguardar de forma descansada. A impaciência demonstra, portanto, que não temos uma confiança inabalável no fato de que Deus está no controle de tudo. Impaciência é, portanto, desconfiar da soberania divina.

Deus é quem determina a hora exata de qualquer coisa acontecer, de acordo com Seus propósitos. Não adianta nada balançar o pé, ficar olhando para o relógio de dois em dois minutos ou roer as unhas até o talo. É tão somente quando Deus bater o martelo que o que tiver de ser, será. E, se sabemos que tudo acontece no tempo exato de Deus, ficar impaciente revela que não temos fé suficiente nessa verdade. Impaciência revela, portanto, falta de confiança no Senhor.

Se você está esperando por algo, meu irmão ou minha irmã, entregue a Deus e confie Nele. Leia o Salmo 37 e saiba que o Senhor tem os olhos voltados para você e está ciente da sua situação.
Uma de três coisas acontecerá:

Primeiro, Deus pode fazer o que você espera que Ele faça, no tempo em que você gostaria e, nesse caso, não é necessário exercer paciência.
Segundo, Deus pode não fazer o que você espera e, neste caso, ficar impaciente simplesmente não terá absolutamente nenhuma serventia, mas só alimentará uma ansiedade inútil.
Terceiro, Deus pode fazer o que você espera, mas no tempo Dele, e não no seu. Neste caso, sua impaciência será inócua, não adiantará de nada, não fará Deus se apressar e a vontade Dele prevalecerá de qualquer jeito.

A única vantagem da sua impaciência é… bem, não há vantagem alguma na sua impaciência.

Meu irmão e minha irmã, esperem com paciência no Senhor, sabendo que absolutamente em tudo, Ele é soberano. Tudo acontecerá na hora certa, da forma correta, de acordo com a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. O que você tem de fazer? Descansar.

Lance sobre Cristo toda a sua ansiedade e relaxe. Ficar agoniado, angustiado, querendo que tudo ocorra no tempo que você quer, só fará mal à sua pressão e lhe causará uma úlcera. Vantagem, na prática? Nenhuma. Então… paciência!

Maurício Zágari é teólogo, escritor, editor, comentarista bíblico e jornalista. Escreve regularmente em seu blog, Apenas. É membro da Igreja Cristã Nova Vida em Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo