Poder da Cruz

Robson Rodovalho - 13/07/2019 08h00

A justiça de Deus para imputar o perdão precisava de um sangue, ela precisava de uma punição. É necessário que haja justiça para que a injustiça seja perdoada. Aquela injustiça precisa ser punida. Ela precisa ter um efeito de redenção. O que Jesus fez na cruz? Ele pagou o preço, por meio do seu sangue quando Ele morreu e pregado na cruz derramou o sangue. Ele reconciliou consigo mesmo. Não foi com os anjos, não foi com as forças espirituais, foi consigo próprio. Ele reconciliou, por que? Porque a justiça divina é exigente.

O aspecto moral da divindade é um aspecto moral completo. De um lado ele tem amor, misericórdia, bondade, compaixão, mas de outro lado ele tem justiça, verdade, equidade e essas duas coisas se somam e tornam um todo. Então, ao mesmo tempo que ele perdoa, ele não pode fechar os olhos para a justiça. Ele perdoa, mas ele não pode virar o rosto para a verdade.

Quando Jesus morreu na cruz, Ele derramou o sangue e no sangue Dele, Ele reconciliou 100%. Por mais que você fosse bonzinho, por mais que você se esforçasse, por mais que você fosse uma pessoa que fizesse todo o empenho possível não ia ser nada. Foi o sangue de Jesus que pagou tudo o que eu e você devíamos ao mundo espiritual.

Robson Rodovalho é doutor em Física e Espiritualidade pela Universidade Cristã da Flórida, além de fundador, bispo e presidente mundial da Igreja Evangélica Sara Nossa Terra e da Confederação dos Conselhos de Pastores do Brasil.

LEIA TAMBÉM+ O problema dos ídolos
+ Meu filho recuperado
+ A suprema virtude na família


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo