Leia também:
X Pastor Marcio Poncio explica ser dono de fábrica de cigarros

Enquanto estamos vivos

Carlos Bregantim - 18/07/2020 05h00


Enquanto estamos vivos, nossas histórias estão sendo escritas.

Alguns são protagonistas para valer de suas próprias histórias, outros são coadjuvantes ou apenas participam de algumas cenas, algumas vezes como figurantes. Sim, há os que permitem que suas próprias histórias sejam vividas, determinadas e escritas por outros, terceirizando suas vidas, suas histórias para outros. Há ainda os que vivem as histórias dos outros, isto é, não vivem suas próprias vidas, mas vivem a vida de outros.

Enquanto estamos vivos, podemos assumir o comando das nossas próprias histórias e dar a elas os direcionamentos que queremos. Muitos insistem em ser reféns das complexidades que os trouxeram até aqui. Insistem em ser reféns de si mesmos e de suas histórias e heranças. Enquanto estamos vivos, existe possibilidades de nos libertarmos e rompermos com as algemas que nos prendem, abandonando os pesos que nos seguram e atrasam nossas jornadas.

Gosto desta expressão de Paulo, o apóstolo, quando diz, interpretando corretamente o Evangelho: “Eis que tudo se fez novo”. Cada dia é um novo dia em que tudo pode ser novo. E hoje é um destes dias. Então, aproveitemos o máximo que pudermos.

Não é bom, não é justo encerrar a história de alguém que ainda está vivo. Não façamos isto com ninguém, muito menos conosco mesmos.

Carlos Bregantim é autor do livro Bora pra Vida – volumes I, II e III e mentor do Caminho da Graça em São Paulo.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.