Leia também:
X Alda Célia divulga detalhes sobre a Conferência Águia Mãe 2020

Cuide de seu coração com o perdão

Paulo Dias - 04/12/2020 05h00 | atualizado em 04/12/2020 05h01

“Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores.(MT 6:12)

Suzana Avezum, psicanalista do 40º Congresso da Sociedade de Cardiologia da cidade, estudou 130 pacientes com um questionário, em que foi avaliada sua disposição para o perdão, espiritualidade e religiosidade. Ficou muito nítida a relação entre perdão e problemas cardíacos, onde aqueles que absorvem calados os problemas e têm dificuldades em falar ficam mais suscetíveis à doenças cardíacas. Aquilo que há muito a Palavra de Deus nos asseverou, vemos sua comprovação científica, corroborando com a bênção de perdoar.

Ao ouvir uma mensagem, um pastor foi enfático em nos dizer: “Quando liberamos perdão é como se nos libertássemos de grilhões postos em nossas pernas, impedindo de caminhar.” Com o tempo, entendemos que a pessoa que mais perde com a ausência da liberação do perdão somos nós. Por isso, na oração sacerdotal, Jesus nos assevera: “Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores.” Desejar ser perdoado deve estar em pé de igualdade com a capacidade de amar e perdoar alguém.

Não deve ter sido à toa que o Apóstolo Pedro, entendendo a complexidade de nossos sentimentos, pergunta ao mestre até quantas vezes deveríamos perdoar: “Então, Pedro, aproximando-se dele, disse: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu lhe perdoarei? Até sete? Jesus lhe disse: Não te digo que até sete, mas até setenta vezes sete. (Mt. 18:21,22).

Assim sendo, devemos entender a complexidade do perdão pelo ângulo do quanto perdoamos alguém, mas sim, pela nossa voluntariedade em perdoar. Se assim fizermos, ostentaremos felicidade aos que nos cercam e saúde em nosso viver.

Paulo Dias é major da Polícia Militar do Rio de Janeiro e pastor.

Leia também1 Como perdoar faz você ser mais feliz e prolonga a sua vida
2 Perdão: Como afeta a saúde do corpo e faz viver mais
3 Perdoar é preciso!
4 Ele nos ensinou a perdoar

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.