Leia também:
X Pai de Fernanda Brum se recupera e tem alta médica

Voz da Verdade testemunha cura e defende Bolsonaro

Líderes deram declarações durante culto transmitido ao vivo, no sábado

Ana Luiza Menezes - 17/05/2020 10h45 | atualizado em 17/05/2020 11h04

Líderes do Voz da Verdade falam sobre cura da Covid-19 e defendem Bolsonaro Foto: Reprodução

Neste sábado (16), o pastor Carlos Alberto Moyses, e sua esposa, Liliane Moyses, líderes do Ministério Voz da Verdade fizeram um culto, que foi transmitido ao vivo no Facebook. Eles falaram sobre o processo de luta contra a Covid-19.

– Nós estávamos debaixo das asas do Altíssimo. (…) Eu estava ali clamando o sangue de Jesus. Quando os médicos fizeram meus exames, falaram: “O caso dela não é fácil”. O problema no pulmão estava até mais preocupante do que o do pastor. Fiquei dois dias na UTI – disse Liliane.

Ela também destacou que conseguiu ficar tranquila e isso chamou a atenção de um dos médicos.

– Não é fácil, mas eu sentia a mão de Deus em todo o momento. Eu sentia o anjo do Senhor ao meu redor. De repente, passaram os dias e eu fui para o quarto ficar ao lado do meu marido. Eu quero dizer para vocês que passamos. E, como eu disse num culto, [isso tudo] vai passar. Amanhã é um novo dia e estamos aqui adorando o Rei dos reis. Quando eu estava naquele quarto, só pensava na passagem de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego – falou.

Liliane defendeu ainda o fim do isolamento social. Ela disse que a Igreja precisa orar e pedir a Deus que dê sabedoria aos governantes.

– Eu sou contra o confinamento. Vimos uma reportagem que, em Nova Iorque, 85% das pessoas que pegaram [o vírus] estavam dentro de casa. Nós temos que pedir que Deus dê sabedoria para esses governantes fazerem a coisa certa, porque o povo está perecendo – disse.

O pastor Carlos Moyses também falou e explicou que a igreja tinha sido higienizada para a reunião. Ele declarou apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

– Estamos fazendo a parte humana [de ter cuidados], mas é Deus quem dá e tira a vida. Temos que orar pelo presidente, pela sua família. Só o Bolsonaro podia aguentar o que aguenta. Pode falar o que quiser dele, mas malandragem você não vai ver. Deus põe os reis e tira reis. Deus já tinha falado que ia tirar a corrupção do nosso país. E ainda tem crente que defende [outros políticos]. Os ladrões não herdarão o Reino dos céus. Mas essa nação é abençoada – afirmou.

Leia também1 Curado da Covid, líder do Voz da Verdade deixa hospital
2 Covid-19: Novo teste de líder do Voz da Verdade dá positivo
3 Suspeito de Covid, líder do Voz da Verdade testa negativo

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.