Leia também:
X MK Books lança livro “A Espada e a Tocha”, do autor Rick Joyner

CEO de time australiano deixa cargo após críticas à sua fé

Internautas encontraram um vídeo de 2013 onde Andrew Thorburn prega contra a homossexualidade

Leiliane Lopes - 13/10/2022 15h09 | atualizado em 13/10/2022 15h17

Andrew Thorburn escolheu a fé Foto: Reprodução Youtube

Em menos de 24 horas o CEO do time australiano Essendon, Andrew Thorburn, renunciou ao cargo por sofrer críticas por causa de seu vínculo com a igreja.

Ele faz parte da City on a Hill Church e uma pregação sua sobre homossexualidade foi divulgada após a sua nomeação como diretor-executivo do time. A ministração do ano de 2013 fazia críticas à relação entre pessoas do mesmo sexo com base na Bíblia.

Em meio à polêmica, Andrew precisou escolher entre continuar no time ou seguir sua fé e Thorburn resolveu manter suas crenças.

– Ficou claro para mim que minha fé cristã pessoal não é tolerada ou permitida em praça pública, pelo menos por alguns e talvez por muitos – disse Andrew após comunicar sua renúncia.

Ele ainda lamentou o fato de as pessoas não conseguirem tolerar pensamentos diferentes.

– As pessoas devem ser capazes de ter visões diferentes sobre assuntos pessoais e morais complexos, e ser capazes de viver e trabalhar juntos, mesmo com essas diferenças, e sempre com respeito – declarou.

OPINIÕES DIFERENTES
Ao falar sobre o caso, o presidente do clube, Dave Barham, disse que não era possível que o CEO permanecesse no time com tendo pontos de vista diferentes dos valores defendidos pelo time.

– Não se trata de difamar ninguém por suas crenças religiosas pessoais, mas de um claro conflito de interesses com uma organização cujos pontos de vista não se alinham com nossos valores como um clube seguro, inclusivo, diversificado e acolhedor – declarou ele.

Leia também1 Liz Lanne cobra posicionamento dos cristãos
2 Influencers cristãos se reúnem com Bolsonaro pelo 2º turno
3 Leonardo Gonçalves vai às redes e ataca evangélicos de direita
4 Jair Bolsonaro diz que quem vota em Lula não é cristão
5 "As pessoas seguirão cegamente o anticristo", alerta pastor

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.