Leia também:
X Polícia prende 10 por roubo de 2 milhões de máscaras em SP

Cantatas de Páscoa ganham lives por causa de isolamento

Programações foram adaptadas em virtude do momento de quarentena

Camille Dornelles - 12/04/2020 09h53 | atualizado em 12/04/2020 14h56

Cantatas de Páscoa ganham adaptações Foto: Pixabay

Neste domingo (12) se comemora a Páscoa, mas o momento de quarentena e isolamento social prejudica uma das maiores tradições da comemoração pelas igrejas cristãs: as cantatas de Páscoa.

As apresentações que remetem à Paixão de Cristo tiveram que ser canceladas em várias cidades nas quais acontecem anualmente, como Porto Alegre, Goiânia e Caraguatatuba, que costumam reunir entre 10 e 30 mil pessoas.

A cidade de Campos dos Goytacazes preferiu adiar a encenação para o feriado de Corpus Christi, em junho. Mas algumas igrejas encontraram uma maneira de não precisar cancelar a apresentação.

ADAPTAÇÕES NECESSÁRIAS
A Igreja Renascer decidiu simplificar a programação para facilitar os ensaios e diminuir a quantidade de integrantes para não haver aglomeração. O pastor Douglas Martins falou da ideia ao Pleno.News.

– Nós vamos fazer uma live via Facebook. Nós tínhamos preparado um musical de Páscoa antes da pandemia, mas não conseguimos ensaiar e progredir com o que queríamos. Mas aí nos reunimos com os líderes e mudamos nosso plano. Pegamos músicas que já tocamos em cantatas anteriores e que os cantores conhecem para fazer uma apresentação. Ela será uma cantata simplificada, enxugamos o máximo que poderíamos e transmitir isso – explicou.

Douglas também detalhou que apenas um ensaio foi feito com a igreja fechada e que pessoas do grupo de risco da Covid-19 não participaram.

– Nós não vamos deixar passar em branco o nosso louvor e adoração na Páscoa. Porque nós somos marcados pela Páscoa. Se hoje a igreja está aberta é porque Cristo ressuscitou. Então o nosso modo de agradecer ao Senhor é entregando nosso louvor, por isso vamos fazer essa apresentação online – defendeu.

ENSAIO NAS CASAS
Fátima Mendonça é diretora do coro da Igreja Batista da Orla de Niterói, no Rio de Janeiro, e falou sobre outra saída encontrada pelos evangélicos. Os cantores ensaiaram separadamente em suas casas e a apresentação se transformou em um grande coro com a união dos vídeos de cada um deles.

– Infelizmente para a gente que todo ano está acostumado a realizar a cantata de Páscoa não vai poder fazê-lo neste ano. Mas nossa igreja tem feito cultos online e neste domingo de Páscoa faremos o culto como tem sido feito, por transmissão ao vivo, com a ceia do Senhor, e encontramos uma maneira de unir o coro… Preparamos um vídeo de uma música da cantata que já estávamos ensaiando. Vamos passar esse coro no culto especial de Páscoa. É dessa forma que a gente vai estar abençoando as pessoas que estarão ouvindo – declarou.

Ela afirmou que a ideia de gravar os cantores em suas casas também envolveu as famílias.

– Cada integrante do coro ensaiou em casa e pedimos para eles gravarem com quem estivesse na residência, a família… E mandaram para a gente. Nesta semana eu gravei na minha casa e foi muito divertido, rimos bastante, foi um momento bom em família. E é uma forma de adorarmos sem deixar de fazer aquilo que fomos criados para fazer, o louvor da glória de Deus – defendeu.

Leia também1 Bolsonaro dará mensagem de Páscoa em live com pastores
2 Jogador critica corte salarial e depois diz que era brincadeira
3 Sarah Farias passa por cesárea e bebê vai à UTI: Estamos bem

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.