Leia também:
X Seleção do Brasil bate Alemanha em estreia nos Jogos Olímpicos

Medalhas olímpicas de Tóquio são feitas de celulares velhos

Japão busca realizar uma Olimpíada sustentável

Pierre Borges - 23/07/2021 13h25 | atualizado em 14/10/2021 17h12

Medalhas olímpicas de Tóquio 2020
Medalhas olímpicas de Tóquio 2020 Foto: Reprodução/YouTube/Vídeo da AFP News Agency

As Olimpíadas de Tóquio estão apresentando uma série de inovações relacionadas a sustentabilidade, como as camas anti-sexo da Vila Olímpica, feitas de papelão. Entretanto, o conceito também está presente nas medalhas do evento, que são feitos a partir de celulares antigos.

A confecção da honraria, por meio da reciclagem dos aparelhos, é possível porque, na composição dos celulares, há pequenas quantidades de ouro, prata e cobre. E, no Japão, foi utilizado um processo para extrair esses materiais de mais de 6 milhões de aparelhos, a fim de produzir as 5 mil medalhas que serão dadas aos atletas.

Além de celulares, outros aparelhos, como notebooks e câmeras digitais, também foram utilizados pelo Japão, numa parceria com 2.100 lojas de eletrônicos e 1.300 instituições de ensino. Ao todo, foram extraídos desses aparelhos 30 kg de ouro, 4 mil kg de prata e 2.700 kg de bronze.

A abertura dos jogos aconteceu na manhã desta sexta-feira (23), e as primeiras medalhas já serão entregues nesta noite.

Leia também1 Globo leva multa milionária do Procon por 'briga' com Palmeiras
2 Petistas entram com notícia-crime no STF contra Braga Netto
3 "Com Ciro na Casa Civil, chance de impeachment vai a zero"
4 Doria sobre Bolsonaro: "Temos um psicopata" no governo
5 Bolsonaro reúne-se com Eymael, presidente do Democracia Cristã

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.