Maratona de Tóquio sugere que chineses fiquem de fora

Evento acontecerá no próximo dia 1° de março

Pleno.News - 14/02/2020 14h35

Maratona de Tóquio Foto: Reprodução

Os organizadores da Maratona de Tóquio, que será realizada no dia 1° de março, recomendaram nesta sexta-feira (14) a todos os corredores que vivem na China e se inscreveram no evento a não comparecerem por causa da epidemia de coronavírus.

– Devido às mudanças nas condições de entrada (no Japão), gostaríamos de pedir a todos os atletas inscritos residentes na China que se abstenham de participar voluntariamente – disse a organização do evento nesta sexta-feira.

Após a epidemia de Covid-19, como foi nomeada a doença, as autoridades japonesas impuseram uma proibição de entrada aos viajantes das províncias chinesas de Hubei e Zhejiang ou àqueles que passaram por elas nas últimas duas semanas.

Os organizadores da maratona acrescentaram que oferecerão participação gratuita na edição de 2021 da prova aos atletas que já estão inscritos para a prova deste ano e se abstiverem de participar. A opção será oferecida a cerca de 1.820 atletas de várias nacionalidades domiciliados na China que já se inscreveram e pagaram a taxa de participação.

*Com informações da Agência EFE

LEIA TAMBÉM+ Turistas idosos deixam navio em quarentena no Japão
+ Após erros em dados, China reduz mortes por coronavírus
+ Grifes chinesas cancelam desfiles devido ao coronavírus


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo