Leia também:
X Jogo da Solidariedade da Uefa terá Ronaldinho como capitão

Se a Rússia entrar em guerra, Brasil sediará a Copa de novo?

Mensagem na web diz que regulamento da Fifa prevê que torneio aconteça em último país que sediou a competição

Gabriela Doria - 18/04/2018 12h54 | atualizado em 18/04/2018 15h03

Copa do Mundo aconteceu no Brasil, em 2014 Foto: CBF/Ricardo Stuckert

Uma mensagem que circula pelas redes sociais está causando confusão entre internautas. Segundo o texto, “se o país sede da Copa do Mundo estiver em guerra, o regulamento da Fifa prevê que o evento seja realizado na sede anterior”. Ou seja, a Copa pode voltar para o Brasil?

Não, esta mensagem é falsa. As regras da Fifa não preveem essa mudança. Apesar disso, a entidade não informou qual seria o plano caso uma guerra realmente tomasse conta da Rússia. No entanto, eles garantiram que a competição vai acontecer no país comandado por Vladimir Putin.

– A Copa do Mundo da Fifa 2018 será jogada na Rússia, e nós temos total confiança que todos os 32 times participantes e fãs de futebol de todo o mundo vão fazer deste um evento memorável – afirmou a entidade em um comunicado oficial.

Mesmo que indiretamente, o regulamento da Copa do Mundo estabelece que, em casos de força maior, o Comitê Organizador do evento pode criar subcomitês para resolver situações de emergência. No entanto, qualquer alteração precisa ser aprovada por um plenário. O Comitê Organizador poderá, ainda, adiar jogos diante de imprevistos.

O temor (ou expectativa) de que a Copa seja transferida para o Brasil é baseado nas recentes tensões envolvendo Estados Unidos, Rússia e Síria. As duas grandes potências estão com as relações abaladas depois de um ataque químico na Síria ser atribuído ao governo de Bashar Al-Assad, aliado de Moscou. Além disso, o atentado a um ex-espião russo, também atribuído ao Kremlin, despertou uma crise diplomática entre a Rússia e diversas potências mundiais.

Leia também1 Tite anunciará os convocados para a Copa no dia 14 de maio
2 Fifa apresenta modelo dos ingressos da Copa do Mundo
3 Rússia cria polícia turística para atuar na Copa do Mundo

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.