Leia também:
X Controladora que liberou voo da tragédia da Chapecoense é presa

Para Romário, Tite deve sair da seleção: ‘Brasil será atropelado’

Senador afirmou que a seleção tem apresentado "um futebol muito ruim"

Henrique Gimenes - 24/09/2021 14h36 | atualizado em 24/09/2021 16h07

Romário criticou Tite, técnico da seleção brasileira de futebol Foto: Arte/Pleno.News

A atuação de Tite no comando da seleção brasileira de futebol recebeu críticas de um “gigante” do futebol. Trata-se do senador Romário (PL-RJ), campeão do mundo em 1994. Em entrevista ao site GE, o parlamentar afirmou que a seleção tem “apresentado um futebol muito ruim” e que, se continuar assim, o “Brasil vai ser atropelado” na próxima Copa.

– Nós estamos próximos de uma Copa. Eu não sei se dá exatamente tempo de uma mudança de treinador, mas não sou mais a favor do Tite pra treinador da seleção brasileira, principalmente pelos resultados negativos que a seleção vem adquirindo quando pega seleções iguais, [um] pouco melhores ou muito melhores. A seleção [brasileira] tem apresentado um futebol muito ruim. Tecnicamente falando, péssimo. E taticamente, então, nem se fala – pontuou.

Apesar disso, Romário disse que vai torcer pelo Brasil com a esperança de ser campeão em 2022.

– A gente tem que ter sempre esperança, e eu terei sempre. A gente vai torcer pro Brasil ser campeão no ano que vem, pra não passar esse ciclo de novo de 24 anos sem ser campeão. Mas vai ser difícil com esse time que tá aí. Com essa forma de jogar, o Brasil vai ser atropelado. Tomara que eu esteja enganado – ressaltou.

O ex-atleta foi, então, questionado sobre quem poderia realizar um bom trabalho à frente da seleção. Para ele, o atual treinador do Flamengo, Renato Gaúcho, seria uma boa escolha.

– É o treinador brasileiro que mais tem demonstrado resultados positivos. Ele me parece ser o mais competente. Tive a oportunidade de trabalhar com ele no início da carreira dele. Era um Renato diferente de hoje. Hoje, [ele] é muito mais ousado. Definitivamente entendeu como é o futebol moderno. O Renato, na minha opinião, tem a confiança do grupo onde ele é o treinador […] Pelo menos no meu entendimento, uma mudança de treinador, no caso agora, já que não tem tempo, pelo menos diminuiria um pouco o prejuízo. Não adianta é ano que vem resolver isso. Aí realmente fica em cima – destacou.

Leia também1 TSE se reúne com 'big techs' para regular repasses a bolsonaristas
2 Bolsonaro responde à invasão do MTST: "Boulos, fique em casa"
3 CPI investiga empresa suspeita de repasses ilegais a Renan
4 Blasio: 'Não seja como Bolsonaro, seja como Harry e Meghan'
5 Vacinado e com Covid, Eduardo critica passaporte sanitário

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.