Leia também:
X Maradona: Filhas são intimadas a depor sobre a morte do pai

Para conter derrotas, Globo quer recuperar a Champions League

Emissora tenta retomar evento após a perda de três importantes direitos de transmissão

Paulo Moura - 24/02/2021 10h01 | atualizado em 24/02/2021 10h19

Liverpool vence a Champions League Foto: Divulgação

O leilão que venderá os direitos da transmissão da UEFA Champions League, principal torneio de clubes da Europa, para o período entre as temporadas de 2021/22 e 2023/24, promete ser bastante concorrido. O motivo é a forte atuação da Globo para tentar se recuperar das recentes perdas de eventos como a Libertadores, o Campeonato Carioca e a Fórmula 1.

Segundo o colunista Gabriel Vaquer, do UOL, a ideia da emissora carioca é recuperar por completo a principal competição de clubes do mundo. Internamente, segundo o colunista, a Globo se convenceu de que precisa de novos eventos esportivos para todas as mídias. Até a semana passada, havia uma divisão dentro do Grupo sobre como entrar na disputa por esses direitos.

Primeiro, o setor financeiro defendia uma proposta apenas para exibição no SporTV. O conteúdo esportivo queria a competição para todas as plataformas. A Globo não exibe a Champions desde a temporada 2017/2018. Na época, curiosamente, a emissora e a UEFA entraram em desacordo porque a Globo queria comprar os direitos da competição para a TV aberta e a paga.

A disputa, porém, deve ser acirrada para a Globo. Executivos ouvidos nos bastidores do SBT, do Facebook e da Warner confirmaram proposta e a entrada na negociação. Nomes ligados à Disney preferiram não confirmar, mas disseram que estão bastante interessados no retorno do torneio após seis anos. A Record foi convidada, mas não quis fazer proposta. A Band não comentou o caso.

A atual detentora dos direitos da Champions League para TV fechada, a Warner, considera o evento como o principal para seu catálogo e tem se esforçado para manter o evento sob seus domínios. No dia final para o envio de propostas, a programadora americana divulgou que bateu recorde de audiência com a competição na temporada 2020/2021. O resultado da disputa deve sair em março.

Leia também1 Maradona: Filhas são intimadas a depor sobre a morte do pai
2 Padre Robson: Andamento de ação penal está nas mãos do STJ
3 STF arquiva inquérito contra o senador petista Humberto Costa
4 Operação mira fraude de R$ 600 milhões com sonegação fiscal
5 "Como é que fica a economia?", diz Bolsonaro sobre lockdown

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.