Leia também:
X Uefa veta iluminação LGBT em estádio durante partida

Inconformada, ONG distribuirá bandeira LGBT em jogo da Uefa

Competição vetou iluminação pró-LGBT em jogo entre Alemanha e Hungria

Pleno.News - 22/06/2021 15h31 | atualizado em 22/06/2021 15h39

ONG irá distribuir bandeira LGBT em jogo da Uefa Foto: Reprodução

A ONG Anistia Internacional distribuirá bandeiras arco-íris ao público que comparecer na quarta-feira (23) à Allianz Arena, em Munique, para a partida entre Alemanha e Hungria, pela Eurocopa, em protesto contra uma lei anti-LGBT recentemente aprovada pelo parlamento húngaro.

Como a Uefa proibiu que o estádio fosse iluminado com as cores do arco-íris, o objetivo da Anistia Internacional é enviar através dos torcedores uma mensagem de solidariedade à comunidade LGBT durante a partida.

David Vig, diretor da ONG na Hungria, classificou como “um sinal de esperança” levar as cores ao estádio e enalteceu o fato de “o capitão da Seleção alemã (o goleiro Manuel Neuer) usar uma braçadeira arco-íris, especialmente depois da aprovação da lei anti-LGBT na Hungria”.

O parlamento húngaro aprovou na semana passada uma lei de combate à pedofilia que inclui a proibição de falar sobre homossexualidade ou mudança de sexo com menores de 18 anos nas escolas e nos veículos de comunicação.

– Esta lei fará a comunidade LGBT desaparecer dos veículos de comunicação e do sistema educacional húngaro – disse Vig em comunicado da organização.

A Uefa recebeu diversas críticas por ter rejeitado a proposta da prefeitura de Munique de iluminar a Allianz Arena com as cores do arco-íris em apoio à comunidade LGBT húngara. A entidade argumentou que é política e religiosamente neutra, e que iluminar o estádio seria enviar uma mensagem política sobre uma decisão tomada pelo Parlamento da Hungria.

*EFE

Leia também1 Uefa veta iluminação LGBT em estádio durante partida
2 Hungria proíbe a 'promoção da homossexualidade' entre menores
3 Premiê da Hungria defende lei contra homossexualidade
4 Jogador da Áustria é suspenso por gesto "supremacista"
5 Incomodada, Uefa pede que atletas não removam garrafas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.