Leia também:
X Correios e Eletrobras: Guedes espera leilões concorridos

Copa América: Conmebol agradece a Bolsonaro e à CBF

Entidade disse que o presidente e a confederação brasileira abriram "as portas do país ao que, hoje em dia, é o evento esportivo mais seguro do mundo"

Henrique Gimenes - 31/05/2021 15h13 | atualizado em 31/05/2021 16h51

Conmebol agradece ao presidente Jair Bolsonaro e à CBF Foto: Lucas Figueiredo/ CBF

Após a definição de que a Copa América será realizada no Brasil, a Conmebol decidiu agradecer, em suas redes sociais, à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e ao presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a entidade, eles foram os responsáveis por “abrir as portas do país” ao evento.

Inicialmente, essa Copa estava marcada para ocorrer na Colômbia e na Argentina. Contudo, devido aos protestos em solo colombiano, a Colômbia acabou sendo retirada da organização do evento. E esta semana a Conmebol decidiu retirar a Argentina devido à situação da pandemia de Covid-19 no país.

No Twitter, a entidade “agradeceu ao presidente Jair Bolsonaro e [à] sua equipe, assim como à Confederação Brasileira de Futebol, por abrir as portas do país ao que hoje em dia é o evento esportivo mais seguro do mundo”.

Já em seu site, a Conmebol informou que, durante o processo em que definiu o Brasil como nova sede da Copa América, o presidente da entidade, Alejandro Domínguez, conversou com o presidente da CBF, Rogério Caboclo. O dirigente brasileiro foi o responsável por entrar em contato com o presidente Jair Bolsonaro, que “apoiou a iniciativa de imediato”.

Para Domínguez, o Brasil vive um “momento de estabilidade” e possui a infraestrutura para sediar o evento.

– O governo do Brasil demonstrou agilidade e capacidade de decisão em um momento fundamental para o futebol sul-americano […] O Brasil vive um momento de estabilidade, tem infraestrutura comprovada e experiência acumulada e recente para organizar uma competição desta magnitude – destacou Domínguez.

O evento irá ocorrer entre os dias 11 de junho e 10 de julho.

Leia também1 Após desistência da Argentina, Copa América será no Brasil
2 Jair Bolsonaro prevê 1 milhão de motos em 'motociata' em SP
3 Senador Flávio Bolsonaro se filia ao partido Patriota
4 Queiroga: Queremos fabricar os insumos estratégicos para o SUS
5 Mourão ironiza protestos: “Tem aglomeração do bem agora?”

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.