CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Aéreas terão 12 meses para fazer reembolso a clientes

Atleta cristão doa 1 milhão de refeições a crianças dos EUA

Stephen Curry disse que "o mundo está mudando diante de nossos olhos" por causa da Covid-19

Rafael Ramos - 19/03/2020 09h06 | atualizado em 19/03/2020 10h41

Stephen Curry vai doar refeições a crianças em Oakland Foto: Reprodução

O jogador de basquete Stephen Curry, do Golden State Warriors, e sua esposa Ayesha decidiram se unir ao Banco de Alimentos da Comunidade do Condado de Alameda, em Oakland, na Califórnia (EUA), para fornecer um milhão de refeições gratuitas aos mais de 18 mil alunos do Distrito Escolar Unificado de Oakland, que ficará fechado até o dia 5 de abril por causa da pandemia do coronavírus.

Cristãos, o casal é dono da Eat Learn Play Foundation, que combate a fome infantil. Através de um vídeo publicado nas redes sociais, Stephen e Ayesha disseram que se sentiram tocados a ajudar esses estudantes e garantir que nenhum estudante da região se preocupe com suas próximas refeições.

View this post on Instagram

Oakland just announced they're closing schools until April because of the COVID-19 crisis. While we support this decision, we're concerned about what this means for childhood hunger in our hometown. More than 18,000 students in Oakland rely on their school for 2+ meals each day and our foundation @eatlearnplay is making a donation to @accfb and @feedingamerica to help ensure no child has to worry about where their next meal is coming from while schools are closed. Please join us by donating to @ACCFB or a food bank near you. Link in bio

A post shared by Wardell Curry (@stephencurry30) on

– O mundo está mudando diante de nossos olhos em termos de lidar com a disseminação do coronavírus. Então, queremos interceder em nome dos estudantes que confiam nos serviços diários das escolas e tentar ajudar da maneira que pudermos. Espero que você possa se juntar a nós nessa luta e nos apoie à medida que atravessamos esse período incerto de nossa comunidade.

Além das refeições, Curry e os demais jogadores do Warriors se comprometeram a doar US$ 1 milhão para um fundo de auxílio a desastres aos mais de 1000 funcionários do estádio Chase Center, que teve a temporada de NBA suspensa por causa do Covid-19.

Leia também1 Bolsonaro anuncia 15 medidas para combater a Covid-19
2 "Há uma guerra espiritual sendo travada", diz Ferber
3 Alexandre Pato convida fãs para o Desafio da Bíblia


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo