Leia também:
X Thiago Makie estreia novo ano do programa Acústico 93

Zé de Abreu ironiza Guaidó e diz que é presidente do Brasil

Ator "nomeou" Lula, Dilma e Jean Wyllys para ministérios fictícios

Gabriela Doria - 26/02/2019 16h14 | atualizado em 26/02/2019 19h14

O ator global José de Abreu, famoso pelo apoio incondicional ao Partido dos Trabalhadores e à esquerda brasileira, usou as redes sociais para se autoproclamar “presidente da República”. A atitude de Abreu é uma ironia ao apoio do governo de Jair Bolsonaro a Juan Guaidó, que recentemente se declarou presidente da Venezuela e recebeu o aval de potenciais internacionais, como os Estados Unidos.

Em seus tuítes, Zé de Abreu “nomeou” para os ministérios Lula, Dilma e Jean Wyllys. Em seu “governo”, a vice-presidente seria Maria do Rosário.

A maioria dos internautas criticou a atitude do ator. Um deles chegou a questionar se Zé de Abreu tinha tomado “todos os seus remédios”.

Confira a sequência de tuítes do ator!

Leia também1 "Inimiga": Hashtag contra a Globo vai ao topo do Twitter
2 Jair Bolsonaro é aprovado por 57,5% dos brasileiros
3 EUA destinam R$ 209 milhões em ajuda para a Venezuela

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.