Leia também:
X Gusttavo Lima tem mal-estar e dá entrada em hospital de GO

Will Smith pede desculpas ao Oscar por tapa em Chris Rock

Ator fez discurso emocionado ao receber prêmio de melhor ator

Thamirys Andrade - 28/03/2022 10h49 | atualizado em 28/03/2022 13h54

will smith pede desculpas ao Oscar por tapa em Chris Rock
Will Smith pede desculpas ao Oscar por tapa em Chris Rock Foto: EFE/EPA/ETIENNE LAURENT

Após protagonizar uma cena polêmica no Oscar 2022 ao dar um tapa no rosto do comediante Chris Rock, Will Smith aproveitou seu discurso de recebimento do prêmio de melhor ator para pedir desculpas. Com lágrimas nos olhos, Will se direcionou à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood e aos colegas indicados à premiação, mas não mencionou Chris Rock.

– Quero pedir desculpas para a Academia e para todos os meus companheiros. Este é um momento lindo e sobre mandar luz para todas as pessoas. A arte imita a vida, e eu pareço o pai maluco, como diziam sobre Richard Williams. Mas o amor me força a fazer coisas loucas – declarou Smith.

O episódio ocorreu após Chris fazer uma piada com a esposa de Will, Jada Pinkett Smith. O comediante comparou a atriz com a protagonista do filme Até o limite da honra (1997), vivida por Demi Moore, que tinha a cabeça raspada. Pinkett passou a raspar a cabeça por causa de uma doença autoimune chamada alopecia, que provoca queda de cabelo.

Logo após agredir o humorista famoso pela série Todo Mundo Odeia o Chris, Will disparou: “Deixe o nome da minha mulher fora da p**** da sua boca”.

Após o momento de tensão, o ator Denzel Washington foi atrás de Will para acalmar o colega durante os intervalos comerciais. Em seu discurso, Will revelou quais foram as palavras usadas por Denzel que o fizeram refletir.

– Denzel Washington me disse, e eu adorei ouvir isso: que nos meus melhores momentos, preciso ter cuidado, pois é aí que o diabo vem – assinalou Will, ao receber o Oscar por seu trabalho em King Richard: Criando Campeãs (2021).

CONFIRA O DISCURSO COMPLETO DE WILL SMITH:
Richard era um defensor da família. Neste momento da minha vida, estou sobrecarregado pelo o que Deus está exigindo que eu seja e faça neste mundo. Fazendo esse filme, eu pude proteger (a atriz) Aunjanue Ellis, uma das mais fortes e delicadas pessoas que já conheci. Protegi Saniyya e Demi, atrizes que fazem Venus e Serena. Estou sendo chamado na minha vida a amar e proteger as pessoas.

Sei que em nossa profissão temos que ser capazes de aceitar abuso, ouvir loucuras, ouvir pessoas nos desrespeitando, sorrir e fingir que está tudo bem. Então, Denzel Washington me disse, e eu adorei ouvir isso: que nos meus melhores momentos, preciso ter cuidado, pois é aí que o diabo vem.

Quero ser um canal para o amor. Obrigado a Venus e a Serena e a toda a família Williams por confiar em mim para contar essa história. Isso é o que quero fazer, quero ser um embaixador desse amor.

Quero pedir desculpas para a Academia e para todos os meus companheiros. Este é um momento lindo e sobre mandar luz para todas as pessoas. A arte imita a vida, e eu pareço o pai maluco, como diziam sobre Richard Williams. Mas o amor vai me forçar a fazer coisas loucas. Para minha mãe, muito desse momento é complicado. (Dedico esse prêmio) para minha mãe, para minha mulher… Estou tomando muito tempo de vocês. Obrigado a todos, e espero que a Academia me convide de novo.

 

Leia também1 Will Smith dá tapa no rosto de Chris Rock durante o Oscar 2022
2 Oscar 2022: Confira o vencedor de cada categoria da premiação
3 Gusttavo Lima tem mal-estar e dá entrada em hospital de GO
4 "Cala a boca já morreu", diz Lulu Santos no palco do Lollapalooza
5 Organizadores do Lollapalooza recorrem de proibição do TSE

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.