Leia também:
X Ator Paulo Gustavo apresenta melhora após intubação

TV paga perde mais de 180 mil assinantes no Brasil em janeiro

Números do setor seguem em queda livre e total e, em comparação a 2014, já demonstra perda de um terço da base de clientes

Paulo Moura - 23/03/2021 08h42 | atualizado em 23/03/2021 12h37

TV paga tem sofrido queda vertiginosa do número de assinantes nos últimos anos Foto: Reprodução

Dados oficiais da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) apontam que o número de assinantes da TV paga no Brasil segue em franco declínio. Apenas em janeiro deste ano, as operadoras do país perderam mais 184.294 clientes. Ao longo dos últimos sete anos, quase um terço dos usuários deste tipo de serviço abandonou a plataforma.

Atualmente, o Brasil tem 14.644.411 pontos de TV por assinatura. Em janeiro do ano passado, o número era de quase 800 mil clientes a mais, com 15.410.300 pontos. Para efeito de comparação, durante a Copa do Mundo de 2014 disputada em território brasileiro, esse número chegou a quase 20 milhões.

Segundo o colunista Ricardo Feltrin, do UOL, diversas razões seriam as responsáveis pela queda vertiginosa do setor; entre elas é possível enumerar: crise econômica, desemprego ou redução de salários; pirataria desenfreada; novas opções mais baratas de entretenimento (só internet e/ou streaming); preço que as operadoras cobram pelos pacotes; e o mau atendimento.

No balanço feito no final de 2020, a Anatel já havia divulgado um número desastroso para o setor de TV por assinatura no Brasil. Ao todo, as empresas fecharam o ano passado com 14.856.453 contratos ativos. Na comparação com os números de dois anos antes, a queda foi de 2.658.023 clientes, o que equivale a 151 assinantes a menos por hora; 2,5 a cada minuto.

Leia também1 Público lança campanha: #GloboSemConcessaoJa
2 Maduro culpa variante brasileira e decreta 'quarentena radical'
3 Ex-esposa do padrasto de Henry denunciou que ele era violento
4 Padrasto afirma que relação com Henry era "a melhor possível"
5 Cidade rebate tentativa da Globo de 'criar pânico' sobre oxigênio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.