Leia também:
X Abraham Weintraub detona a CNN Brasil: “Show de horror”

Sikêra Jr. pede apoio do Brasil na defesa de Jesus Cristo

Apresentador publicou um desabafo em suas redes sociais neste sábado

Henrique Gimenes - 08/08/2020 17h40 | atualizado em 08/08/2020 19h09

Sikêra Jr. pediu o apoio do Brasil na defesa de Jesus Foto: Reprodução

Neste sábado (8), o apresentador Sikêra Jr., da Rede TV, publicou um vídeo em suas redes sociais fazendo um desabafo. Ele lamentou o fato de não ter recebido apoio de igrejas cristãs na defesa da imagem de Jesus Cristo e pediu ajuda a seus seguidores.

A manifestação ocorreu após Sikêra ter sido condenado a pagar uma indenização de R$ 30 mil por declarações feitas contra uma modelo transexual que interpretou Jesus durante uma parada LGBT ocorrida em 2015.

O desabafo publicado por Sikêra Jr. ocorreu na edição do Alerta Nacional desta sexta-feira (7). O apresentador disse que, ao fazer as críticas, achou que receberia o apoio da Igreja Católica.

– Eu também achei, quando eu comecei a meter no pau no que estavam fazendo com a imagem do maior símbolo da Igreja Católica, quando eu comecei a falar, eu achei que a Igreja Católica iria me apoiar. Eu achei que a sociedade iria comigo – disse.

Ele explicou que está se sentindo só por não ter sido apoiado.

– E nesse momento eu me sinto só. Eu não tive aquele apoio que imaginei de quem mais eu defendo. Vou continuar defendendo a família brasileira, o cidadão de bem. Em quem eu acredito, no meu senhor Jesus Cristo. E vou continuar acreditando – apontou.

Sikêra então pediu o apoio dos cristãos.

– Eu estou só esperando a força de vocês. Preciso do apoio de vocês. Eu esperei que um bispo da Igreja Católica se manifestasse ao meu favor. Eu esperei que um padre aparecesse e dissesse “estamos com você”. É um desrespeito o que estão fazendo com o nosso senhor Jesus Cristo. No carnaval, a parada gay. Estão desrespeitando. Agora, qualquer coisa coisa minha é ofensa. Qualquer coisa minha é ódio. De lá pra cá é arte. Tomar na jaca. Agora eu continuo esperando o apoio da Igreja Católica, dos bispos do Brasil. São 122 bispos no país – destacou.

O apresentador lembrou que não viu nenhuma manifestação da Igreja Católica em defesa da imagem de Jesus.

– Eu não vi nenhum manifesto de vocês durante o desfile da escola de samba onde o senhor Jesus Cristo é arrastado pelo Satanás. Eu não vi até agora. A gente só faz receber porrada. A lacracão tá soltando fogos. Quem são vocês? Baixa a bola. Aqui eu continuo defendendo a família brasileira. O meu senhor Jesus Cristo. Somos um país cristão. E você que não respeita, você que fez essa presepada com a imagem do meu senhor Jesus Cristo, aguarde o seu – afirmou.

Por fim, Sikêra Jr, voltou a pedir o apoio da população.

– Nesse momento eu me sinto só. Estou precisando do apoio do Brasil inteiro. Eu fui o único na televisão brasileiro a denunciar essa palhaçada que fizeram com o meu senhor Jesus Cristo. Eu fui o único que botou a cara a tapa (…) Agora eu preciso do apoio do Brasil, se não vão engolir a gente mais uma vez. Já basta o que a gente passou -argumentou.

Ele concluiu dizendo que a punição chegará para quem ofendeu a imagem de Jesus.

– Agora é a hora da união de quem acredita em Jesus Cristo. E você que fez isso, o seu chega. Pode ter certeza. E não vai partir de mim ou nenhum ser humano – concluiu.

View this post on Instagram

A lacrolândia ataca outra vez.

A post shared by Sikera Junior (@sikerajr) on

Leia também1 Curado da Covid-19, Marcos Pontes agradece orações
2 Bolsonaro tem apoio de quase metade dos praças da PM
3 Bolsonaro diz que ozônio via retal contra a Covid pegou mal
4 Bolsonaro envia mensagem a entregador vítima de racismo
5 Bolsonaro é aclamado pelo povo ao visitar cidade em SP

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.