Leia também:
X Covid-19: Joelma diz que teve pulmão, visão e mente afetadas

Polícia indicia ator da Globo por lesão corporal contra esposa

Ricardo Vianna admitiu que bateu em Aline Kryktine, mas alegou que as agressões foram mútuas

Ana Luiza Menezes - 27/09/2020 22h40

Ricardo Vianna e Aline kryk Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Rio de Janeiro indiciou o ator Ricardo Vianna pelo crime de lesão corporal contra a mulher dele, Aline Kryktine. Segundo a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, Zona Oeste da cidade, um exame de corpo de delito confirmou as agressões.

Uma ocorrência contra o ator foi feita no último dia 9. Na mesma data foi instaurado um inquérito para apurar denúncias de agressão e injúria.

À polícia, Ricardo admitiu que bateu em Aline, mas alegou que as agressões foram mútuas.

O caso foi encaminhado para o Ministério Público do Rio.

– Esse inquérito foi concluído e encaminhado para o MP. O laudo para as agressões deu positivo. Ele confessou e alegou em sua defesa que também foi agredido. Não há testemunhas. Cabe agora ao MP oferecer ou não denúncia contra ele. Vai depender do entendimento deles sobre o caso – disse uma investigadora da Deam ao portal UOL.

O ator chegou a desativar sua conta no Instagram por conta da repercussão do caso.

Vianna é conhecido por seu trabalho em Malhação, Totalmente Demais, Tempo de Amar, Pro Dia Nascer Feliz e Verão 90.

Ricardo e Aline têm um filho de 6 anos. Eles começaram a namorar em 2013 e chegaram a terminar em 2016, mas se reconciliaram.

Leia também1 Ator global fala em 'dar tiro na cabeça' de ex-BBB e revolta web
2 Tarcísio Meira se pronuncia a respeito de sua saída da Globo
3 Luís Ernesto Lacombe estreia na segunda-feira‬ na RedeTV!
4 Rede Globo será investigada por suposto monopólio no futebol
5 Antonio Fagundes diz não ser surpresa sua demissão da Globo

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.