Leia também:
X Cantores reagem à nova música de Gisele Nascimento

MPF irá investigar Silvio Santos por piada imprópria com criança

Vídeo com brincadeira considerada ofensiva é de 2016

Gabriela Doria - 25/09/2020 12h08 | atualizado em 25/09/2020 12h11

Silvio Santos cancela gravação do programa mais uma vez Foto: Reprodução

O Ministério Público Federal irá investigar o apresentador Silvio Santos por causa de uma piada feita com uma criança em 2016. Na ocasião, Silvio perguntou a uma menina de cinco se ela preferia “sexo, poder ou dinheiro”.

Apesar de o episódio já ter quatro anos, o vídeo do momento voltou a circular nas redes, gerando uma chuva de críticas ao apresentador veterano.

O inquérito foi aberto nesta quarta-feira (23) pela Procuradoria Regional de São Paulo.

– A criança e o adolescente têm direito ao respeito e à dignidade como pessoas em processo de desenvolvimento e como sujeitos de direitos civis, direito ao respeito que compreende a inviolabilidade da integridade psíquica, abrangendo preservação da imagem – destacou a Procuradoria.

De acordo com a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, o documento ainda ressalta que “a livre manifestação do pensamento não é direito absoluto, sendo assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além de indenização por dano material, moral ou à imagem”.

Em manifestação ao Ministério Público Federal, o SBT argumentou que “a genitora da menor ajuizou ação de indenização contra a radiodifusora em defesa dos interesses individuais e personalíssimos”, e que “não ocorreu nenhum tipo de solapamento difuso dos direitos imanentes às crianças”.

Leia também1 Demitidos! Veja quem deu adeus à Rede Globo em 2020
2 Mãe de Gugu recebe homenagem por ter doado órgãos do filho
3 Pais se revoltam por boneca mostrar roupa íntima quando mergulhada na água
4 Rede Globo: Tony Ramos lamenta demissão de Glória e Tarcísio
5 TV Globo prepara novos cortes e gera tensão nos bastidores

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.