Leia também:
X Atriz é criticada por lançar grife inspirada no coronavírus

Dono da RedeTV! detona Huck por apoio a programa social

"Brasileiro quer é emprego digno, e não uma esmola do estado", disse o empresário

Ana Luiza Menezes - 08/06/2020 16h01 | atualizado em 08/06/2020 16h07

Marcelo de Carvalho criticou Luciano Huck Foto: Arte/Pleno.News

Nesta segunda-feira (8), o vice-presidente da RedeTV!, Marcelo de Carvalho, voltou a criticar o apresentador da Globo, Luciano Huck. Em uma rede social, o empresário disse que o brasileiro não quer programas sociais e sim emprego digno.

– Essa proposta do Luciano Huck é absurda, desastrosa. O que o brasileiro quer é emprego digno, bem remunerado, que só se consegue com a economia de mercado e fortalecimento das empresas, e não uma esmola do estado. É uma pena que nos dias de hoje ainda haja essa mentalidade – disse.

Marcelo Carvalho criticou Huck por apoio a programa social Foto: Reprodução

Em seu perfil, ele exibiu uma declaração que Huck publicou no domingo (7) a respeito de um auxílio que ajudaria pessoas de baixa renda.

– A pandemia escancarou a urgência de viabilizar um auxílio permanente capaz de garantir dignidade aos + pobres. O movimento ‘Renda Básica que Queremos’ ataca a cruel desigualdade do BR com afeto e eficiência. Bora apoiar – escreveu Luciano, no Twitter.

Essa não foi a primeira vez que Marcelo expôs descontentamento com as ideias de Huck. Em outubro do ano passado, ele se manifestou contrário a uma possível candidatura de Luciano à presidência da República, classificando a hipótese como “oportunista”.

Leia também1 Atriz é criticada por lançar grife inspirada no coronavírus
2 Ex-cozinheira volta a criticar Bonner e destaca grosseria
3 Ex-cozinheira faz desabafo e detona Bonner e Fátima
4 Após mal-estar, Milton Neves diz que saúde foi estabilizada
5 Atriz Suzana Alves: "A beleza é o brilho chamado Jesus"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.