Leia também:
X Criada como cristã, Demi Lovato revela que prefere mulheres

‘A imprensa é dominada pelo pensamento de esquerda’

Em entrevista, Lacombe falou sobre motivo de sua saída da Band e citou censura

Ana Luiza Menezes - 12/03/2021 18h49 | atualizado em 12/03/2021 20h48

Jornalista Luís Ernesto Lacombe Foto: Reprodução

O jornalista Luís Ernesto Lacombe fez revelações sobre sua saída da Band. Ele disse que um dos principais motivos foi uma suposta censura por parte da direção da emissora.

– Foi uma espécie de censura que sofremos na Band, e [isso] me fez sair da emissora – falou.

As declarações dele foram dadas durante uma entrevista com Fabrizio Gueratto, Financista do Canal 1Bilhão Educação Financeira. O conteúdo foi publicado no YouTube.

Segundo Lacombe, “imprensa de um modo geral é dominada pelo pensamento de esquerda”.

– Há uma demanda reprimida para conteúdos mais liberais, mais conservadores, e jornalistas que falam com esse público. A imprensa, de um modo geral, é dominada pelo pensamento de esquerda. Não havia essa demanda, então no programa que fui convidado a fazer eventualmente surgiu uma pauta política e nós nos posicionamos.

O tempo de trabalho na Globo também foi comentado pelo jornalista, que disse não ter medo de arriscar e trocar de emprego.

– A minha geração é bem diferente da atual, que não tem medo de arriscar, de ir atrás de oportunidades e ficar trocando muito de emprego. Diferente de um pensamento muito ligado ao funcionalismo público e estabilidade. Eu estava na Rede Globo há 25 anos, era uma vida longa e tinha o pensamento de que iria me aposentar lá. A gente já vivia um período de cortes, já percebíamos isso, mas ainda não tinha chegado nos apresentadores. Infelizmente, eu fui quem abriu a fila.

Leia também1 Lacombe fala da pandemia: "Um ano sujeitos aos mesmos erros"
2 'Progressismo é uma utopia que não deu certo em lugar nenhum'
3 Lacombe: 'Voltei a me aproximar de Deus graças à minha família'
4 Luís Ernesto Lacombe terá mais um programa na RedeTV!
5 Lacombe: 'Sou um jornalista posicionado e não um militante'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.