Leia também:
X Casagrande ataca Maurício: “Mau-caráter e homofóbico”

Justiça nega pedido de Luisa Mell para dobrar valor de pensão

Ativista pedia que marido pagasse R$ 50 mil, em vez dos R$ 25 mil repassados por ele atualmente

Paulo Moura - 29/10/2021 11h38 | atualizado em 29/10/2021 12h30

Luisa Mell Foto: AgNews

A ativista Luisa Mell teve o pedido de aumento de pensão alimentícia negado pela Justiça. A decisão foi tomada no âmbito de um recurso movido por Luisa contra o valor de R$ 25 mil que o empresário Gilberto Zaborowsky pagava desde a separação do casal que, segundo a ativista, não era suficiente para manter seu antigo padrão de vida.

Na ação, Luisa pedia o dobro do valor atual, R$ 50 mil, além do pagamento de valores extras como despesas com plano de saúde, escola e cursos para o filho, valores que já eram arcados pelo empresário, segundo o processo. A base das argumentações dos advogados de Luisa foi de que a renda declarada como recebida por Gilberto, de R$ 400 mil mensais, não seria verdadeira.

Ao negar o pedido, o desembargador J.L. Monaco, da 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), afirmou que a influenciadora poderia contribuir com os gastos familiares por possuir em seu nome uma empresa com capital social de R$ 3,8 milhões de reais, dois veículos importados e uma renda de aluguéis mensal que totaliza mais de R$ 47 mil.

A separação de Luisa e Gilberto tem envolvido muita polêmica ao longo dos últimos meses, a começar pelo motivo do divórcio, que, segundo a ativista seria o fato de o ex-marido ter autorizado que fosse feito um procedimento estético no corpo dela sem seu consentimento. Outro fato envolvendo o processo foi a destituição do advogado de Luisa após o defensor pedir a prisão de Gilberto.

Leia também1 Relatório aponta que Moro não será destaque na "terceira via"
2 Prefeitura de SP demite dois servidores que não se vacinaram
3 Coreia do Norte pede a cidadãos que "comam menos" até 2025
4 Flórida processa governo Biden por imposição de vacinação
5 Jair Bolsonaro chega à Itália para o G20 e deve visitar parentes

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.