Leia também:
X Com fake news sobre Bolsonaro, Felipe Neto ataca Gloria Perez

Filha do ator Juliano Cazarré volta para UTI e coloca stent

Menina nasceu com uma cardiopatia rara e foi operada logo após o parto

Gabriel Mansur - 13/08/2022 16h06 | atualizado em 13/08/2022 17h30

Juliano Cazarré com a filha Fotos: Arquivo Pessoal // Instagram

A filha do ator Juliano Cazarré, Maria Guilhermina, voltou a ser internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para um procedimento médico de emergência. Guilhermina nasceu com uma doença cardíaca rara.

A esposa do artista, Letícia Cazarré, comentou sobre a internação nesta sexta-feira (12), por meio de uma publicação no Instagram.

– Ontem nossa pequena Maria Guilhermina voltou para a UTI inesperadamente. Ela estava bem, mas a saturação baixou, começou a oscilar e nossos (super!) médicos ligaram o sinal amarelo e preferiram internar para cuidar dela de perto – disse.

A mãe também informou que a bebê precisou passar por um cateterismo e ainda colocou um stent. Segundo Letícia, Guilhermina se recupera bem após os procedimentos.

– Depois de uma noite em claro e um dia de muito carinho para que ela aguentasse muitas horas em jejum, intubação, procedimento e extubação, agora nós duas só queremos ficar juntas e dormir – completou.

Maria Guilhermina nasceu no dia 21 de junho, já o com o diagnóstico Anomalia de Ebstein, uma cardiopatia rara detectada ainda durante a gestação. Logo depois do nascimento, ela precisou passar por uma cirurgia para correção de uma válvula do coração, o que a levou a ficar internada na UTI.

A bebê recebeu alta do hospital pouco mais de um mês depois de realizar uma cirurgia no coração.

Leia também1 Internada desde o parto, filha de Juliano Cazarré recebe alta
2 Cazarré diz que "leva paulada" do meio artístico por ser católico
3 Ator rebate crítica após ser chamado de machista em live

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.