Leia também:
X Tadeu Schmidt fala sobre sua filha ter se declarado queer

Felipe Neto recusa ida gratuita ao Catar: “Direitos humanos”

Influenciador afirmou se sentir desconfortável em festejar em país que viola direitos das mulheres e LGBTs

Pleno.News - 23/11/2022 10h52 | atualizado em 23/11/2022 11h19

Felipe Neto Foto: AgNews

Felipe Neto justificou porque recusou convite para ir para a Copa do Catar com “tudo pago”. De acordo com o influenciador, que é torcedor do Botafogo e sempre disse ser apaixonado por futebol, as questões envolvendo os direitos das mulheres, a comunidade LGBT e outros temas provocaram a negativa ao convite.

– Fui convidado para ir ao Catar assistir a todos os jogos que eu quisesse, com tudo pago, e eu neguei. Não tenho nada contra quem foi, é uma questão minha. Não posso lutar tanto pelas questões de direitos humanos, por todas as pautas e lutas que eu luto aqui no Brasil e ir para um país como o Catar fazer festa. Isso acabou falando mais alto e eu achei melhor ficar por aqui – disse Felipe Neto na conta que mantém no Instagram.

O influenciador disse que a decisão foi tomada durante o período do evento esportivo, mas que não descarta a possibilidade de um dia visitar o país.

– Isso indica que nunca vou visitar um país como esse? Não. Eu posso querer fazer uma viagem cultural, querer conhecer, mas pra Copa do Mundo, fazer festa, uma Copa que eu discordo completamente de ser realizada lá, decidi não ir – completou.

*AE

Leia também1 Tadeu Schmidt fala sobre sua filha ter se declarado queer
2 Atriz global detona Neymar ao defender look de Deborah Secco
3 Na Indonésia, Cauã Reymond grava vídeo sobre terremoto
4 Morre o cantor e compositor Erasmo Carlos, aos 81 anos
5 Urach chora ao comentar fim do casamento: 'Tudo se desfazendo'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.