Leia também:
X Ator francês é acusado de estupro e agressão sexual

Exclusiva com Julianne Trevisol: “A Record sempre me acolheu”

Atriz de Gênesis fala ao Pleno.News sobre retorno à emissora e amadurecimento

Monique Mello - 23/02/2021 17h32 | atualizado em 23/02/2021 18h19

Julianne Trevisol vive a vilã Nidana, na novela Gênesis
Julianne Trevisol vive a vilã Nidana, na novela Gênesis Foto: Divulgação/Record TV

Depois do último trabalho na Rede Globo, a atriz Julianne Trevisol retornou à Rede Record para viver a vilã Nidana, na novela Gênesis. A personagem faz parte da fase que está no ar atualmente, a Fase Ur dos Caldeus. A atriz concedeu uma entrevista ao Pleno.News sobre sua experiência na super produção.

Como foi retornar à Rede Record depois de alguns anos?
Atualmente, o mercado artístico está bem mais pluralizado. Então, temos a oportunidade de trabalhar em diversas emissoras sem possuir um contrato de fidelidade, o que nos abre muitas portas. E foi exatamente isso que aconteceu agora, com a minha ida para a Record. Fui convidada para fazer parte do elenco da novela “Gênesis”.

Foi um convite extremamente especial, e eu só tenho a agradecer. A Record sempre me acolheu. Lá, toda a equipe me recebe com alegria. A emissora já me proporcionou momentos únicos e ótimos papéis. E tem sido maravilhoso poder retornar [à emissora].

Como a Nidana surgiu para você?
A Nidana também foi um convite feito diretamente pela Rede Record. O Edu Pradella e a Monica Teixeira entraram em contato comigo e me chamaram para interpretar essa personagem. Quando li a sinopse, achei sensacional! Aceitei na hora. E foi um enorme prazer.

Participamos de palestras e workshops sobre a Fase dos Caldeus.

Precisou de alguma preparação especial para viver a personagem bíblica?
No geral, nós temos preparadores de elenco que cuidam da gente o tempo todo. E, com a ajuda deles, conseguimos desempenhar um trabalho bacana! A equipe nos deu todo o suporte para entendermos as questões da época.

Além disso, participamos de palestras e workshops sobre a Fase dos Caldeus, para aprendermos exatamente como [as pessoas] viviam antigamente. Ainda aconteceram encontros com a nossa “família” [na história], para criarmos certa relação familiar. Ou seja, a nossa preparação começou antes mesmo das gravações!

Bastidores da novela Gênesis
Bastidores da novela Gênesis Foto: Divulgação/Record TV

Nidana passará por três fases; a última, com 60 anos. Todas elas são interpretadas por você? Como foi o processo?
Fiquei bem surpresa quando soube que teria que interpretar essas três fases da personagem! Realmente, nunca imaginei [isso] e confesso que tenho dificuldade para aparentar idade no vídeo. Sempre pareço ser mais nova [risos].

O Carrasco, que é o nosso caracterizador, é maravilhoso! Ele fez todo o processo de envelhecimento na maquiagem; portanto, já estou super curiosa para ver como irá ficar quando for ao ar. Mas o processo em si foi muito interessante e desafiador também, porque gravávamos por cenário. Em um único dia, eu gravava a Nidana jovem e ela com 60 anos. Ainda, trocava de roupa, caracterizava e gravava. Nós passeávamos por todas essas três fases, o que foi muito importante para a construção desses personagens.

Em um único dia, eu gravava a Nidana jovem e ela com 60 anos

A Nidana era uma menina feliz daquele lugar, mas muito ambiciosa. Ela quer conquistar tudo e, quando encontra Amat e Terá chegando e conseguindo alcançar as coisas que ela ainda não pôde, começa a fazer todas as artimanhas possíveis para crescer dentro de Ur e ir para dentro dos muros. Ela vai se associando às pessoas, trapaceando de todo jeito. Enfim, vai mostrando realmente o caráter duvidoso dela. E, no momento em que desafiam seus deuses, ela se revolta. Com o passar dos anos, isso vai tomando uma proporção maior. Então, nas próximas fases, a tendência é piorar. A Nidana vai amadurecer, porém ficará amargurada.

Você tinha algum conhecimento prévio da Bíblia? Chegou a ler o livro de Gênesis?
Eu não cheguei a ler o livro todo de Gênesis, mas li partes do livro, principalmente as passagens de Abraão, importante para a interpretação das três fases.

Também já li alguns outros livros da Bíblia e respeito muito. Mas, em relação à novela, eles não exigiram que nós lêssemos Gênesis. Pelo contrário, eles dão todo o suporte necessário, como o material da época. Além disso, temos o auxílio de uma assessoria religiosa que nos ajuda a compreender essas questões pontuais da religião e as formas com que a história deve ser contada, seguindo os ensinamentos da Bíblia.

Devido à pandemia, as gravações foram suspensas em março do ano passado. Houve alguma dificuldade no retorno às gravações, no contexto do “novo normal”?
Quando a gravações pararam, eu já tinha gravado em torno de 75% das minhas cenas. Estávamos no auge de tudo quando a pandemia começou. No momento em que retornamos, tivemos que seguir todo o protocolo de segurança da Record, que, por sinal, foi impecável! Tivemos um feedback, reuniões, e toda semana estávamos realizando o teste para covid-19.

Temos o auxílio de uma assessoria religiosa que nos ajuda a compreender essas questões pontuais da religião

O que eu achei estranho foi gravar a mesma personagem depois de muito tempo. Tivemos que relembrar o que nós estávamos fazendo antes, para ver se iria encaixar uma cena com a outra. Acho que é uma das coisas que eu tenho mais reparado ao assistir à novela, prestando bastante atenção para ver se estamos no caminho certo.

Além de Bia Brumatti, que vive sua filha na história, há outras crianças no núcleo Ur dos Caldeus. Como foi a troca com os pequenos?
Eu amo crianças. Sou realmente apaixonada [por elas]! Tenho pouco contato porque não temos pequenos na família ainda. Então, adoro quando posso gravar com elas. E, na novela, eu já começo com um bebê de colo, que é super delicado de gravar. Depois, vem a Bia Brumatti, que é um amor. E nós tivemos uma super troca de mãe e filha, embora na novela essa relação “mãe-filha” não seja uma das melhores.

A Nidana não é uma mãe exemplar, mas eu e a Bia criamos essa relação no Set, nos camarins. Nós duas ficamos bem parceiras, e foi uma troca linda. As outras crianças também são muito inteligentes. Chegavam com os textos todos decorados. Elas são especiais demais!

Julianne Trevisol com Bia Brumatti e João Guilherme Fonseca
Julianne Trevisol com Bia Brumatti e João Guilherme Fonseca Foto: Reprodução

Estando mais perto dos 40, você tem alguma preocupação com a idade?
Não tenho preocupação com a idade! Digamos que, de 2 anos para cá, algumas questões começaram a aparecer fortemente, alguns desejos, algumas vontades… Eu não olhava para a minha vida em questão de futuro, relacionamento, casamento, e agora são assuntos que eu comecei a pensar um pouco mais, com um olhar analítico.

A Nidana não é uma mãe exemplar, mas eu e a Bia criamos essa relação no Set, nos camarins

Quanto aos outros fatores, estou tranquila, pois envelhecer me trouxe um autoconhecimento, autocuidado de olhar e enxergar quais são os meus reais desejos para o futuro! E como eu quero estar nesses 40 anos? Quero estar bem de saúde, com o emocional equilibrado e ainda conquistando coisas.

Envelhecer não é um problema para mim! Muito pelo contrário. Eu gosto da ideia de estar mais madura

Quero ser mãe também, mas não estou com pressa, pois preciso concluir alguns projetos antes. O tempo tem me ajudado a me organizar. Com a idade, eu consegui amadurecer. E ter começado a praticar Yoga me ajudou a ter um maior equilíbrio.

Aos 37 anos, a atriz não tem medo de envelhecer
Aos 37 anos, a atriz não tem medo de envelhecer Foto: Divulgação/Record TV

Envelhecer, então, não é uma questão para você.
Envelhecer não é um problema para mim! Muito pelo contrário. Eu gosto da ideia de estar mais madura, de construir a minha vida, de ter uma família. Enfim, de ser mais independente, pois me sinto segura, mais forte, realizada nas coisas que plantei.

Sinto que estou no caminho certo para alcançar as coisas que eu pretendo ter e fazer na minha vida! Então, envelhecer não é um problema. Acho que vou ficar melhor conforme os anos vão se passando; assim, vou me tornando a mulher que eu desejo ser e desejo poder partilhar com as pessoas que eu amo todo esse crescimento.

Leia também1 Gênesis: Após grave acidente e 60 cirurgias, ator volta à TV
2 Record confirma acerto para exibição do Carioca por 2 anos
3 Apresentadora Adriane Galisteu é a nova contratada da RecordTV
4 Mariana Godoy é confirmada como nova contratada da Record
5 Veja as celebridades milionárias que não gostam de 'ostentação'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.