Leia também:
X Naiara Azevedo e Casa Worship participam de quadro na Globo

Atriz de The Crown se diz alguém “entre homem e mulher”

Atriz deu vida à Lady Di em série da Netflix

Monique Mello - 20/08/2021 18h57 | atualizado em 22/08/2021 18h52

Emma Corrin se revela não binária Foto: Reprodução/Netflix

Emma Corrin, atriz que deu vida à princesa Diana na quarta temporada da série The Crown, da Netflix, afirmou fazer parte da comunidade LGBTQIA+. Em entrevista ao canal britânico ITV News, a atriz se diz não binária (quem não se identifica com os gêneros masculino e feminino). No entanto, ela não usou exatamente esta expressão, mas que está “entre as duas coisas”, e que ainda não tem “certeza”.

– Eu acho que estamos tão acostumados a nos definirmos e, infelizmente, é desse jeito que a sociedade funciona, dentro dessas binariedades. Eu levei muito tempo para perceber que estou entre as duas coisas, mas eu ainda não sei exatamente qual é o meu lugar. Mas acho que visibilidade é essencial – declarou.

Em suas redes sociais, Emma definiu que seus pronomes pessoais serão “she/they”, ou “ela/elu” em português. A atriz também revelou que publicar qualquer coisa sobre sua orientação foi “assustador”.

– Eu não sabia se era a coisa certa a fazer. Mas o retorno que tive de outras pessoas da comunidade queer tem sido maravilhoso – disse.

Na última edição do Globo de Ouro, Emma ganhou o prêmio de Melhor Atriz em Série de Drama por interpretar a princesa Diana na juventude, na série The Crown, o que lhe rendeu mais visibilidade.

Revelações de gênero tem sido cada vez mais comum na comunidade artística. O caso mais recente é de Demi Lovato, que afirmou não se considerar mulher nem homem.

– No último um ano e meio, fiquei fazendo um processo de cura e um trabalho reflexivo. Por meio disso, eu tenho a revelação de que me identifico como pessoa não-binária. Com isso dito, eu mudo oficialmente meus tratamentos para “els” – afirmou Demi.

 

Leia também1 Jornal Nacional "erra" gênero de Demi Lovato e é acusado de transfobia
2 Doutor em Letras condena linguagem neutra em post do Museu da Língua Portuguesa
3 Filho de Boca Rosa tem enxoval roxo por causa de tia não-binária
4 Escócia libera crianças de 4 anos para mudar de gênero na escola
5 Jovem Pan terá que indenizar ativista pró-linguagem neutra

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.