Leia também:
X Pela 1ª vez desde a estreia, Jovem Pan fecha mês na frente da CNN

Após saída da Globo, jornalista Chico Pinheiro cogita virar uber

Ex-âncora conta que adoraria "rodar pela cidade" e "ouvir a história" dos passageiros

Thamirys Andrade - 03/05/2022 10h52 | atualizado em 03/05/2022 12h14

Chico Pinheiro
Chico Pinheiro Foto: Reprodução / Globoplay

Fora da Rede Globo após 30 anos, o jornalista Chico Pinheiro está traçando novos planos para o futuro. O ex-apresentador do Bom Dia Brasil cogita várias possibilidades, incluindo virar motorista de aplicativo para poder escutar e registrar boas histórias dos passageiros.

– Adoraria rodar pela cidade, cada hora pegar uma pessoa que eu não sei para onde vai e ouvir a história dela. Adoro dirigir, ouvir histórias, rodar pela cidade. Não dou cafezinho nem água, mas estou disposto a ouvir essas pessoas todas. Pego um no aeroporto: “Onde é que você vai?”. “Cemitério São João Batista”. Vou só ouvindo. “Vou fechar um negócio das arábias”, “Vou encontrar alguém”, aí já tem uma história de amor. Vou ouvindo tudo isso e depois registro no meu diário de bordo pra contar essas histórias anonimamente, sem identificar ninguém. É uma ideia – disse ele, em entrevista à jornalista Cristina Padiglione, da Folha de S.Paulo.

Pinheiro também mencionou a ideia de retomar o Sarau, programa que apresentou na Globonews.

– Vira e mexe alguém me fala isso: “Vamos refazer o Sarau”. Tem um cara que quer fazer o Bar do Sarau, onde a gente juntaria músicos para fazer apresentações e dali gravaríamos para passar sei lá onde. Essa proposta agora já voltou: “Agora vamos poder fazer o Sarau”, já me disseram. Mas ainda é uma ideia – ponderou.

Outra possibilidade citada por ele seria abrir um escritório de media training para empresários e parlamentares. Ao ser questionado se pensa em atuar em alguma campanha política, Chico admitiu não ser seu foco, mas revelou que poderia topar a ideia se fosse para lutar contra a “barbárie”.

– Não, não penso, mas se precisar me envolver com alguma bandeira para lutar, com a arma da caneta, pela civilização e contra a barbárie, estou aqui. Porque eu não estou a serviço de candidatos, mas da democracia. Na minha opinião, o golpe está sendo dado, mas não é mais com tanques nas ruas, e sim com a desmoralização das instituições – afirmou.

Apesar dos vários planos, Chico disse que, por ora, está “livre como um pássaro” e tirará um período de descanso.

– Vou ter um tempo pra me refrescar. Como diz aquela música dos Beatles, estou “free as a bird”. Eu me sinto livre como um pássaro – filosofou.

Leia também1 Após 32 anos, jornalista Chico Pinheiro deixa o Grupo Globo
2 Pela 1ª vez desde a estreia, Jovem Pan fecha mês na frente da CNN
3 Cassiane fala sobre novo single: Temos um Deus que cuida de nós
4 Anitta e Netflix são acusadas de fraudarem assinatura de idosa
5 Após 17 anos, Wanessa Camargo e Marcus Buaiz se separam

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.