Leia também:
X Bolsonaro culpa ‘artistas globais’ e o ‘fique em casa’ por inflação

Âncora da CNN se ‘confunde’ e chama Lira de Eduardo Cunha

Daniela Lima criticava declaração feita pelo presidente da Câmara sobre privatizar a Petrobras

Henrique Gimenes - 14/10/2021 15h46 | atualizado em 14/10/2021 16h20

Daniela Lima, âncora da CNN Brasil Foto: Divulgação/CNN

Durante a edição do CNN 360º desta quarta-feira (13), a âncora Daniela Lima cometeu um lapso e chamou o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), de Eduardo Cunha (MDB-RJ). Cunha foi o presidente da Casa em 2015 e 2016, durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff, mas teve seu mandato cassado.

A declaração dela foi feita ao comentar uma declaração de Lira questionando se uma privatização da Petrobras não faria a empresa se preocupar menos com os lucros ao revisar sua política de preços.

– A Petrobras… é uma empresa predominantemente pública. Tem 51% de suas ações na mão do governo federal. Mas ela tem também uma parte de investimentos privados. O que tem ali é uma política que tem que ser revista, porque ela hoje nem é pública e nem é privada. E ela só distribui e escolhe os melhores caminhos para performar recursos para distribuir dividendos. Essa é a pergunta que tem que ser feita: não seria o caso de privatizar a Petrobras? Não seria a hora de se discutir qual a função da Petrobras no Brasil? É só distribuir dividendos para acionistas? – indagou Arthur Lira.

Daniela então disse que considera “tortuoso” o raciocínio do presidente da Câmara e chamou Lira de Cunha.

– Eu achei o raciocínio do presidente da Câmara tortuoso, porque é o seguinte. Cunha diz assim: “Qual é, afinal, o objetivo da Petrobras? É só dividir os lucros, dividendos para seus acionistas? Por que então não privatiza?” Ele coloca a privatização como sendo… – apontou.

Momentos depois, Daniela se corrige.

– Perdão, Lira, gente. Eu coloquei Eduardo Cunha. Perdão. Presidente da Câmara, Arthur Lira – apontou.

Em seguida, ela critica a declaração de Arthur Lira.

– [Lira] usa a privatização como se fosse uma forma de a Petrobras socialmente passar a atender. O que é o contrário. Aí, sim, é que a empresa vai passar a mirar só o lucro, porque é o interesse do mercado acima de tudo – destacou.

Leia também1 "Tenho vontade de privatizar a Petrobras", afirma Bolsonaro
2 ICMS dos combustíveis: Confira quais deputados votaram contra
3 Por 392 a 71, Câmara aprova mudar o ICMS de combustíveis
4 Lira critica "monopólio" e acena para privatização da Petrobras
5 Bolsonaro descarta interferir na Petrobras ou congelar preços

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.