Leia também:
X Novela da Globo tem música gospel na trilha sonora

Netflix indenizará satanistas após denúncia de plágio

Ação judicial foi por causa estátua exibida na série As Arrepiantes Aventuras de Sabrina

Ana Luiza Menezes - 21/11/2018 21h27 | atualizado em 21/11/2018 22h42

A série As Arrepiantes Aventuras de Sabrina Foto: Reprodução

A Netflix chegou a um acordo com o grupo Templo Satânico depois de a empresa ter sido denunciada de plagiar uma estátua que aparece na série As Arrepiantes Aventuras de Sabrina, lançada em outubro.

Segundo a imprensa americana, Netflix e Warner Bros, que produzem a série em conjunto, chegaram a um acordo com o grupo satanista para evitar que as acusações de infração de direitos autorais, violação de marca registrada e danos empresarias chegassem à Justiça.

Por cada um dos crimes, o Templo Satânico exigia 50 milhões de dólares (R$ 189 milhões), o que totalizava 150 milhões de dólares (R$ 569 milhões). No entanto, os valores pagos pela Netflix e Warner Bros não foram revelados pelas empresas.

De acordo com a revista Business Insider, o grupo conseguiu que fazer que os “elementos identificáveis da estátua de Baphomet” sejam reconhecidos nos créditos dos episódios que já foram filmados. O Templo Satânico não deu detalhes do acordo com empresas, alegando estar sujeito a uma cláusula de confidencialidade.

O grupo satanista denunciou a Netflix no início de novembro em um tribunal de Nova York. Seus representantes afirmaram que a série tinha copiado a estátua de Baphomet, um demônio representado como um macho de cabeça de bode, com forma antropomórfica.

Além disso, os satanistas argumentam que a estátua representa ideais da compaixão, da empatia e da luta pela Justiça. Na série da Netflix, Baphomet é apresentada como um “ponto central de uma escola associada com o mal, com o canibalismo e com assassinatos”, segundo o Templo Satânico.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Rapaz ganha fama ao citar Kim Kardashian no currículo
2 Novela da Globo tem música gospel na trilha sonora
3 Entrevista com Deus alcança 120 mil pessoas na estreia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.