Leia também:
X Paulo Neto grava videoclipe da canção Não Foi Por Acaso

Ariana Grande é processada por suposto plágio de 7 Rings

Música 7 Rings seria cópia de You Need It, You Got It, do cantor Josh Stone

Pleno.News - 18/01/2020 14h55

Ariana Grande é processada por suposto plágio Foto: Reprodução Instagram

A cantora Ariana Grande está passando por mais um imbróglio envolvendo seu hit 7 Rings, do álbum Thank U, Next.

De acordo com a rede americana CNN, a cantora e outros sete compositores da canção estão sendo processados por supostamente plagiarem uma outra música.

– A música é uma falsificação, plagiada do autor Josh Stone, que escreveu, gravou e publicou um trabalho quase idêntico, You Need It, You Got It, aproximadamente dois anos antes – diz a queixa.

Ariana está indicada a cinco Grammys, cuja cerimônia acontece no dia 26 de janeiro, incluindo gravação do ano por 7 Rings.

Lançado em janeiro de 2019, o hit usa a melodia do clássico My Favorite Things, do musical A Noviça Rebelde. Mas, nesse caso, os compositores Rodgers e Hammerstein foram creditados pela faixa.

7 Rings já teve sua originalidade contestada por muita gente, especialmente por uma cadência associada a 2 Chainz ou Soulja Boy. Mas o impasse foi resolvido de forma amigável e longe da Justiça.

Agora, Josh Stone alega que ele havia mostrado You Need It, You Got It para executivos da Universal Music Group, gravadora por trás de 7 Rings, em 2017.

– A música de Josh foi usada sem seu consentimento, sem seu conhecimento e sem sua permissão. Muitas pessoas fizeram muito dinheiro com o seu trabalho e isso é errado – disse a advogada do artista à CNN.

Representantes de Ariana e da Universal Music Group não comentaram o caso.

*Folhapress

Leia também1 Conheça a jurista que mexeu com a esquerda na Holanda
2 Miley, Ariana e Lana lançam música tema de As Panteras
3 Ariana Grande faz piada sobre menina de 6 anos assassinada

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.