Leia também:
X Malvino Salvador: “Acabou o monopólio da TV Globo”

Novo filme da Disney é banido em 14 países por beijo lésbico

Longa derivado da franquia Toy Story estreia nesta sexta-feira

Monique Mello - 16/06/2022 18h47 | atualizado em 17/06/2022 09h17

Alisha Hawthorne é um personagem lésbico de desenho Foto: Divulgação/Disney/Pixar

O novo desenho da Disney, Lightyear – derivado da franquia Toy Story – foi banido em pelo menos 14 países do Oriente Médio e Ásia. O motivo é uma cena em que a personagem Alisha Hawthorne e sua namorada se beijam.

Alisha é um patrulheira espacial, amiga de Buzz Lightyear, que se casa com outra mulher no longa, com quem tem sequências de casal. Executivos da Disney já haviam retirado a cena do beijo lésbico do filme, mas funcionários protestaram tornando a ação pública.

De acordo com a alegação, em março, executivos da empresa haviam solicitado cortes de “quase todos os momentos de demonstrações de afeto gay”. Sendo assim, a polêmica cena foi reinserida.

– Sempre pretendemos que esse relacionamento estivesse lá – disse Angus MacLane, diretor da produção, ao site Yahoo Entertainment.

De acordo com informações da revista Variety, a Pixar, que faz parte do conglomerado de produtoras da Disney, não chegou a submeter o desenho à censura da Arábia Saudita, pois sabe que lá a produção não seria aprovada.

A China – um dos maiores mercados cinematográficos do mundo -, manteve o lançamento de Lightyear na sua integralidade, nesta sexta-feira (17). No Brasil, a estreia também está mantida, para a mesma data.

Dentre os países que vetaram a exibição do longa estão Indonésia, Egito, Líbano, Kuwait e Emirados Árabes Unidos.

Leia também1 Bruna Karla defende a Bíblia e sofre intolerância religiosa
2 Musk quer Twitter como "refúgio para a liberdade de expressão”
3 Bolsonaro anuncia redução do IPI de videogames e acessórios
4 Líderes religiosos defendem posicionamento de Bruna Karla
5 Ursinho Pooh e Leitão viram assassinos em filme de terror

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.