Leia também:
X 10 desenhos que educam e os pais podem ficar tranquilos

Michael Schumacher ganha museu sobre sua história

O espaço, na Alemanha, terá 20 carros usados pelo ex-piloto, entre outros objetos

Jade Nunes - 25/08/2017 09h57 | atualizado em 25/08/2017 10h10

O ex-piloto, Michael Schumacher Foto: Fotos Públicas/exit 1979

A cidade de Colônia, na Alemanha, abrigará um museu, a partir de abril de 2018, com a coleção pessoal do ex-piloto alemão Michael Schumacher, heptacampeão mundial de Fórmula 1.

Schumacher sofreu um acidente em 2013. Na ocasião, ele estava esquiando na Suíça, quando caiu e bateu a cabeça. O esportista permaneceu em coma induzido por um tempo. Não há detalhes sobre o estado dele.

A agente do ex-piloto, Sabine Kehm, disse que a família de Schumacher está entusiasmada com o projeto e afirmou:

– Será um grande prêmio de lembranças de duas décadas. A ideia é que as pessoas possam viver um pedaço da história do automobilismo.

O museu ficará dentro de um antigo aeroporto de Butzweilerhof, cidade a 30 quilômetros de Kerpen, onde o heptacampeão nasceu. Em 2018, será inaugurado no local, além do museu, um hotel temático, restaurantes, salas de eventos e conferências.

Ainda segundo Kehm, a entrada do museu será gratuita. Essa foi a forma que a família de Schumacher encontrou para agradecer aos inúmeros fãs do ex-piloto.

– Durante os anos nos quais esteve na ativa, Michael guardou a maioria de seus carros e muitos macacões e capacetes. Sempre tivemos em mente torná-los acessíveis ao público – contou a agente.

O espaço terá, além de muitos objetos da carreira de sucesso de Schumacher, 20 carros usados pelo ex-piloto. Entre os automóveis está os sete com os quais foi campeão mundial.

 

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.